João Emanuel Carneiro
João Emanuel Carneiro (Divulgação/TV Globo)

Nesta segunda-feira, o horário das 21h da Rede Globo estreia mais uma novela de João Emanuel Carneiro, Segundo Sol, que tem como personagem principal o cantor de axé Beto Falcão (Emílio Dantas), que é dado como morto num acidente aéreo, mas recomeça a vida num lugarejo afastado e é convencido a manter a farsa, já que depois de “morrer” sai do ostracismo em que se encontrava. É sua sexta novela como autor titular, após integrar a equipe de alguns trabalhos no começo dos anos 2000.

Francisco Cuoco sobre participar novamente de uma novela de João Emanuel Carneiro: “Uma honra”

Egresso do cinema, João Emanuel Carneiro estreou na televisão em 2000 como coautor de A Muralha, minissérie de Maria Adelaide Amaral, baseada na obra de Dinah Silveira de Queiroz. A família de Dom Braz Olinto (Mauro Mendonça), um bandeirante, servia de sustentação para a história que mostrava o Brasil do início do século 17. João escrevia principalmente para o núcleo do cruel Dom Jerônimo Taveira (Tarcísio Meira), um carola hipócrita que maltratava a esposa, Ana (Letícia Sabatella), que era cristã-nova. A direção foi de Denise Saraceni.

João Emanuel Carneiro, autor de Segundo Sol, fala das diferenças entre Laureta e Carminha

No ano seguinte, a parceria com Maria Adelaide Amaral teve continuidade noutra minissérie: a excelente Os Maias, baseada na obra de Eça de Queiroz. Dirigida por Luiz Fernando Carvalho, a história narra a grande tragédia que se abate sobre a rica família Maia, cujos descendentes Carlos Eduardo (Fábio Assunção) e Maria Eduarda (Ana Paula Arósio) são criados separados – ele pelo avô Dom Afonso (Walmor Chagas), após o suicídio do pai, Pedro (Leonardo Vieira); ela, pela mãe, Maria Monforte (Simone Spoladore, depois Marília Pêra), cuja fuga com outro homem levando a menina provoca a desgraça de Pedro. Os jovens se apaixonam, desconhecendo o parentesco.

Em 2002, Carneiro foi um dos membros da equipe de Desejos de Mulher, novela de Euclydes Marinho exibida às 19h. A rivalidade entre as irmãs Andréa (Regina Duarte) e Júlia (Glória Pires), alinhavada pelas crises particulares de seus casamentos e trajetórias profissionais, passou por diversos problemas, mas rendeu uma boa vilã: Selma (Alessandra Negrini). Direção de Dênis Carvalho – que o autor reencontra agora em Segundo Sol.

Logo após esses trabalhos, João Emanuel Carneiro planejava dedicar-se apenas ao cinema novamente, a não ser que tivesse a oportunidade de escrever uma novela própria. Pois Silvio de Abreu deu o aval para sua sinopse intitulada Chocolate, sobre o romance inter-racial entre uma jovem negra e um rico herdeiro branco, que gera um filho, e os diversos obstáculos à plena realização desse amor. Rebatizada como Da Cor do Pecado, a novela foi um grande sucesso do horário das 19h em 2004, com Taís Araújo (Preta), Reynaldo Gianecchini (Paco e Apolo), Giovanna Antonelli (Bárbara), Lima Duarte (Afonso), Aracy Balabanian (Germana) e Guilherme Weber (Tony) nos papéis centrais, além de personagens que marcaram como a família Sardinha – liderada pela “Mamushka” Edilásia (Rosi Campos) – e o Pai Helinho (Matheus Nachtergaele), além, é claro, dos atores mirins Sérgio Malheiros (Raí) e Felipe Latgé (Otávio). A novela já foi reprisada duas vezes no Vale a Pena Ver de Novo. A direção foi de Denise Saraceni.

Em 2006 nova incursão no horário das 19h, agora com direção de Wolf Maya. Cobras & Lagartos fez uma crítica ao consumo de luxo num país pobre como o Brasil e ao consumismo de maneira geral, e ergueu a partir da disputa pelo patrimônio do milionário Omar Pasquim (Francisco Cuoco), que vai parar nas mãos de Foguinho (Lázaro Ramos), outro grande sucesso do horário, que credenciou o autor para a faixa das 21h.

No ano de 2008, João Emanuel estreou no horário nobre com A Favorita, dirigida por Ricardo Waddington. Nos dois primeiros meses de novela ousou ao não deixar claro qual das duas protagonistas era a mocinha e qual era a vilã. Flora marcou a carreira de Patrícia Pillar e Donatella deu a Cláudia Raia uma grande oportunidade de mostrar bom desempenho num tipo diferente, bastante dramático. Junto a elas Mariana Ximenes (Lara), Murilo Benício (Dodi), Glória Menezes (Irene), Mauro Mendonça (Gonçalo), Tarcísio Meira (Copola), José Mayer (Augusto César), Giulia Gam (Diva), Carmo Dalla Vecchia (Zé Bob) e Cauã Reymond (Halley), entre outros.

Nova proposta ousada em Avenida Brasil (2012), um dos grandes sucessos da teledramaturgia nos últimos anos, dirigida por Amora Mautner e José Luiz Villamarim. Quando criança, Rita (Mel Maia) teve sua vida destroçada pela madrasta Carminha (Adriana Esteves), que após a morte do marido Genésio (Tony Ramos) abandona a menina num lixão, onde ela é criada por Mãe Lucinda (Vera Holtz). Adulta e após uma temporada no exterior, a agora moça volta ao Brasil com o nome de Nina (Débora Falabella) e se infiltra na casa de Carminha, agora casada com o astro do futebol Tufão (Murilo Benício), e para se vingar dela faz uso de artimanhas bastante condenáveis, tanto quanto as da madrasta. Esse comportamento é aceitável? Estavam lançadas as bases para um sucesso popular.

Em 2015, após a problemática Babilônia, a Globo antecipou em algumas semanas a estreia da nova novela de João Emanuel, A Regra do Jogo, que surgia como a “salvação da lavoura” daquela temporada. Mas diversos fatores, entre os quais uma trama bastante violenta e a grande concorrência da produção da Record TV Os Dez Mandamentos, de Vivian de Oliveira, tumultuaram a trajetória do projeto. A história do dúbio Romero Rômulo (Alexandre Nero), que integrava uma facção criminosa enquanto posava de figura confiável e “de bem”, inclusive cuidando de uma organização de reintegração de ex-presidiários ao convívio social, não repetiu o sucesso das outras novelas do autor – especialmente de Avenida Brasil, como se esperava.

Habilidade para contar uma história em capítulos o autor já mostrou que possui, bem como a de criar personagens que caem no gosto do público. Vejamos o que Segundo Sol, a nova empreitada de João Emanuel, dê mostra do melhor que ele pode oferecer ao público.

Últimos vídeos do Canal no YouTube