Maria do Bairro
Thalía conquistou Brasil na pelo da jovem Maria (Foto: Divulgação/ SBT)

Considerada a atriz mexicana mais importante das últimas duas décadas, Thalia ganhou, definitivamente, o coração dos brasileiros nos 90. Ainda hoje, muitos a seguem e torcem por seu retorno à teledramaturgia. Enquanto se especula o grande retorno dela ao Brasil, em 2018, o Observatório da Televisão, com o Vale a Pena, relembra, aqui, os passos da artista nas telenovelas.

Nascida na Cidade do México, Thalia deixou o país há ano para viver nos Estados Unidos. Porém, nem por isso é menos latino-americana. A também cantora sempre levou a música do nosso continente para todo o mundo. Ela é muito orgulhosa do seu passado.

Veja também: Relembre o Carnaval em que a Globo surpreendeu a Globo na Sapucaí

Começou a carreira cantando, mas o Brasil a conheceu por meio das telenovelas, no papel de protagonistas inesquecíveis. A primeira que chegou no país foi Quinceañera, em 1987, ao lado de outra grande protagonista, Adela Noriega, Thalia encantou os brasileiros com seu jeito meigo de atuar. Relembre.

Porém, foi em 1992, com Maria Mercedes, que o público passou a ver aquela mocinha tão especial e carismática. A história era de uma personagem que tinha que cuidar de seus irmãos e seu pai. Ainda havia os vilões que davam muito trabalho para Maria, que jamais perdeu a doçura mesmo em momentos em que teve que se defender. Assista.

Vale lembrar que atriz na cena acima é Laura Zapata, meia-irmã de Thalia na vida real. Se você está com pena do que Maria Mercedes fez com a vilã Malvina, veja essa, aqui:

Depois de Maria Mercedes, Thalia protagonizou a antológica Marimar, um sucesso sem precedentes em países como as Filipinas, além de toda a América Latina. No roteiro, de novo, atriz faz uma moça pobre, porém, com muita personalidade. O melhor é que depois de comer o pão que o diabo amassou, a protagonista volta mais forte do que nunca com um plano de vingança.

Veja também: Relembre novela Marimar, grande sucesso de Thalia

O vídeo está em espanhol, mas é bem simples compreendê-lo. Thalia arrasa na interpretação. Firme, mas sempre doce.

Se você está achando que ela foi muito dura, relembre também a cena em que Marimar fez pior com Angélica. É um clássico das tramas mexicanas.

Vamos, agora, com o fechamento da Trilogia das Marias, com Maria do Bairro. Dê o play no tema musical, que é envolvente, cheio de ritmo e continue a leitura.

Na trama, a personagem de Thalia também é pobre, porém, se apaixona pelo ricaço mimado Luiz Fernando (Fernando Colunga). Maria era brava, mas não resistiu ao charme do galã e caiu nos braços dele.

Porém, esse casal tão fácil de shippar acabou tendo muitas idas e vindas. Maria conseguiu se casar, mas teve um filho perdido e, ainda, a sombra eterna da vilã Soraya (Itatí Cantoral), que causou demais na vida dos protagonistas. Mas sempre o amor falou mais alto.

Quer mais? Assista.

Uma das cenas de Thalia, elevada à máxima potência, ocorre quando Luiz Fernando fica possesso de ciúme e Maria se vê obrigada a revelar que o menino não é seu amante, mas seu filho perdido.

Maria do Bairro é um clássico no Brasil, no México, nas Filipinas… Ficou na história da Thalia como a novela de maior repercussão internacional, sendo exibida em centenas de países. Thalia se projetou muito depois do sucesso da trama, em que sofreu tanto, mas sempre estava belíssima e angelical.

Vamos seguindo com a última grande novela da estrela latina. Rosalinda trouxe elementos das tramas anteriores. Mostra Thalia mais madura tecnicamente e investe pesado no folhetim clássico. A personagem é brava, sabe bem se defender, apesar de ter também uma certa ingenuidade. Relembre essa cena.

Durante a novela, os problemas da pobre Rosalinda foram tantos que ela chega a ter problemas psiquiátricos, perde a filha e a memória. A cena em que ela começa a se lembrar de tudo de novo, termina em um acidente terrível. Veja.

Para finalizar, que tal um compilado com os erros de gravação? Thalia se mostra muito divertida nos bastidores, quando os imprevistos acontecem.