Inspirada em Susana Vieira, vilã de Ouro Verde vivida por Úrsula Corona aposta na malandragem: “Tem o timing da Susana”

A atriz Úrsula Corona está de volta ao Brasil, mais precisamente na tela da Band, onde aparecerá como a vilã Valéria de Scarpa em Ouro Verde, novela que chega para substituir a turca Minha Vida. Trama escrita por Maria João Costa, Ouro Verde é uma produção da TVI, vencedora do Emmy Internacional 2018 na categoria Melhor Novela.

Durante a coletiva de imprensa promovida pela Band na terça-feira (9), Úrsula Corona contou em entrevista ao Observatório da Televisão que a inspiração para encarnar a ambiciosa personagem, veio de Susana Vieira em uma experiência com a atriz em Nova York.

A atriz Úrsula Corona interpreta Valéria de Scarpa em Ouro Verde
A atriz Úrsula Corona interpreta Valéria de Scarpa em Ouro Verde (Foto: Rui Carvalho/ Onshot)

A maldade dela é genuíno, já vem da história dela. Ela tem um timing, eu me inspirei muito na Susana Vieira; não que ela seja malandra, mas eu puxei esse timing dela“, disse a atriz, que aparacerá pela segunda vez em uma novela da Band, sendo a primeira dela em Floribella (2005), com a personagem Tati.

Corona relembrou uma de suas experiências com a atriz global, que a despertou para tal inspiração. “Eu fiz uma vez uma viagem para Nova York com ela e foi sensacional, não sei nem se ela lembra disso. Ela me chamou para um canto fazer uma foto, mas eu estava tímida. ‘Minha filha, você não quer tirar foto comigo? Olha, eu não dou essa atenção assim para esse povo não, hein? Eu tenho 50 anos […]’. Essa cena me deu o start“, explicou.