Pitty e Elza Soares cantam juntas no Altas Horas, que também recebe Bruna Lombardi

Serginho Groisman apresenta o Altas Horas
Serginho Groisman apresenta o Altas Horas (Divulgação)

Samba, rock e sertanejo. Esses três gêneros musicais podem ser bastante diferentes, mas formam uma bela combinação quando o show é no ‘Altas Horas’, de Serginho Groisman. O programa anima a noite deste sábado, dia 2, ao som de Elza Soares, Pitty e Bruna Viola, que compartilham histórias inesquecíveis da carreira ao lado da atriz e escritora Bruna Lombardi. “Que saudade imensa desse lugar! Eu ficava só babando ao olhar a TV, pensando: ‘Eu não estou lá’”, brinca Elza, em clima descontraído. “A gente tem que agradecer por essas oportunidades. O que seria de nós sem essa plateia? Eu vivo de vocês”. A atração conta também com a participação de Thiago Arancam, cantor lírico.

Considerada a cantora brasileira do milênio, Elza relembra as dificuldades de nascer em uma favela e conquistar seu espaço no meio artístico. “Quando você é mulher, negra e pobre, é difícil. Sofri muito para chegar onde cheguei, mas com luta consegui”, afirma. Pitty, por sua vez, declara que demorou para ter consciência do que era ser mulher no rock, gênero musical tradicionalmente masculino. “No lugar onde cresci, ser mulher não é fácil. Eu vim de um contexto em que a sobrevivência era essencial. Tudo o que eu fazia era tentar existir dentro daquele cenário, seja adaptando meu vestuário, meu cabelo ou meu comportamento para caber nas situações”, explica ela, que nasceu na Bahia. “Fui vendo a sutileza de ser mulher no rock só quando fui ficando mais velha e adquirindo consciência”.

Bruna, que foi modelo por muitos anos, relata que nunca passou pelas dificuldades das amigas, mas que o sentimento é o mesmo. “Sofro pelas outras. Sou muito solidária com as mulheres que estão passando minuto a minuto com esse medo de violência, de discriminação, de preconceito e de abusos. A gente tem muita luta pela frente. Temos progressos incríveis, mas ainda falta muito”. Para a felicidade da plateia, Pitty se junta à Elza e forma um poderoso dueto para cantar “Na Pele”, novo sucesso da dupla.


O ‘Altas Horas’ vai ao ar aos sábados, após o ‘Zorra’.