A Liga mostra o lucrativo negócio dos profissionais do amor

Cazé acompanha as coelhinhas do amor em A Liga
Cazé acompanha as coelhinhas do amor em A Liga

Nesta segunda-feira (25), A Liga mostra o lucrativo negócio dos profissionais do amor. Eles são pessoas que vendem felicidade e diversão: homens que são pagos para dançar, mulheres contratadas para colorir festas ou mesmo para entregar um buquê de flores. Mariana Weickert, Cazé e Mel Fronckowiak acompanham o trabalho dessas pessoas e mostram as surpreendentes reações de quem recebe o serviço.

O programa também registra a dura realidade de famílias de dependentes químicos. Cazé presenciou a internação involuntária de um viciado em crack, viveu o desespero de uma mãe e o trabalho arriscado da equipe de resgate na cracolândia. Seis meses depois, o programa volta a encontrar o rapaz, após o tratamento, para saber se ele conseguiu se livrar do vício e recomeçar uma vida nova.

A Liga vai ao ar toda segunda-feira, às 22h45, na tela da Band