Cíntia (Susana González) provoca incêndio no último capítulo de A Que Não Podia Amar (Reprodução / YouTube)
Cíntia (Susana González) provoca incêndio no último capítulo de A Que Não Podia Amar (Reprodução / YouTube)

O castigo de Cíntia (Susana González) será cair na cova que ela mesma cavou. No último capítulo de A Que Não Podia Amar, a vilã decidirá colocar fogo na Fazenda do Forte como forma de se vingar de Rogério (Jorge Salinas), mas acabará ficando presa entre as chamas do incêndio que ela mesma provocou.

Tudo começa quando Cíntia e Bruno (Julián Gil) invadem a fazenda durante a noite em busca de alguns documentos que beneficiam o vilão. Cíntia, porém, não se dá por satisfeita e faz questão de incendiar o lugar onde cresceu. “Se o Rogério não vai dar a minha parte, então a Fazenda do Forte não vai ser de ninguém!”, decreta.

Bruno finge apoiá-la e até a ajuda a espalhar querosene pelo escritório de Rogério. No entanto, ao sair com o pretexto de roubar o cofre do cadeirante enquanto Cíntia termina o ‘trabalho’, ele tranca discretamente a porta do local, prendendo a comparsa. “Obrigado por me ajudar a me desfazer do Rogério. Mas não vou carregar uma louca como você nas costas”, murmura, cruel.

Enquanto isso, sem perceber nada, Cíntia dá prosseguimento a seu plano. “Adeus, Rogério… Marquinho (Juan Bernardo Flores)… e Maria (Ana Martín)”, diz, disposta a matar a própria mãe. Em seguida, risca um fósforo e o atira no chão, dando início ao incêndio como queria.

As chamas não demoram a se espalhar e Cíntia, maravilhada, tenta fugir pela porta do escritório, somente então percebendo que está trancada no local. A fascinação, então, dá lugar ao desespero, e a ex-esposa de Gustavo (José Ron), vendo que não conseguirá sair, começa a implorar por ajuda.

Mais Informações, curiosidades, sinopse, personagens e o resumo diário e atualizado dos capítulos de A Que Não Podia Amar

Confira o resumo dos capítulos das outras novelas da TV Globo, SBT, Record TV e Band.

Últimos vídeos do Canal no YouTube