Carlos sofre com partida de Inês (Reprodução: Globoplay)
Carlos sofre com partida de Inês (Reprodução: Globoplay)

Em Éramos Seis, desde que Shirley levou Inês embora fugida com o verdadeiro pai da menina, Afonso entrou em profunda depressão e mal consegue lembrar da filha de criação sem se emocionar. Nesta mesma situação está Carlos, que gostava de Inês, embora ela vivesse mais tempo sob olhares de seu irmão, Alfredo.

Muito desta rivalidade ferrenha com Alfredo, cresceu por conta do ciúme que ambos nutrem pela menina. Em conversa com Afonso, Carlos conta da briga que teve em casa. “Arrumei um abriga lá em casa, culpa minha, minha mãe ficou muito triste“, diz ele enquanto relata que o irmão roubou a própria mãe para gastar no cabaré.

Minha mãe diz que eu não tenho paciência apara o Alfredo. E eu não tenho mesmo. Ele me irrita“, continua Carlos. “Ele não perde a oportunidade de jogar na minha cara de que se despediu da Inês e eu não“, explica. “Ela está tão distante“, comenta Afonso.

Carlos quer notícias de Inês

Carlos questiona se Afonso acha que ela voltará algum dia. Depois de tanto tempo, o homem não acredita nesta possibilidade. “Por que você acha que ela ficou tanto tempo assim, sem dar noticias?“, pergunta o jovem. “Bem ela está. Shirley ama a filha, não deixaria ela ficar sofrendo“.

Afonso diz que por muitas vezes tentou contato por telefone, mas nunca obteve retorno. As ultimas tentativas foram por cartas, mas nada de uma resposta também. “Estava viajando pela Europa. Bem coisa fina. Então eu parei de ligar“. Carlos pergunta se agora ele desistiu de tentar contato. Afonso responde que não. “Eu acho que continuam no estrangeiro“, comenta Afonso., que posteriormente pee para que Carlos esqueça sua filha de uma vez por todas.

Últimos vídeos do Canal no YouTube