Susana González vive Cíntia em A Que Não Podia Amar (Reprodução / Televisa)

Uma vilã como Cíntia (Susana González) não se vence tão facilmente. Após ser aprisionada por Rogério (Jorge Salinas) e Hugo (Uriel del Toro) em seu próprio quarto para não fugir da polícia, a antagonista dará um jeito de escapar nos próximos capítulos da novela A Que Não Podia Amar.

Assim que é trancafiada, a primeira atitude da vilã é pegar o celular que trazia escondido entre suas botas e ligar para Bruno (Julián Gil). “Bruno, me ajuda! Eles vão me denunciar! Me aprisionaram aqui na fazenda!”, pede, desesperada. “Trata de escapar de qualquer jeito. Não se angustie. Eu vou te defender”, promete o mau caráter.

O amante de Vanessa (Mar Contreras) explica a Cíntia que tem um plano. “Eu vou conseguir um amparo judicial para não poderem te prender se te pegarem. Mas, por enquanto, você precisa estar longe da cadeia e da polícia!”, recomenda Bruno. “Como se fosse tão fácil!”, queixa-se a amazona, antes de o advogado desligar em sua cara.

Mesmo assim, a esposa de Gustavo (José Ron) dá um jeito de seguir as recomendações que recebeu. Ela inventa para Hugo que está com fome e convence seu ‘carcereiro’ a lhe trazer algo para comer. Em seguida, grita que está passando mal e, quando Hugo vai socorrê-la, bate com uma bandeja na cabeça do capataz, atordoando-a e conseguindo fugir.

Mais Informações, curiosidades, sinopse, personagens e o resumo diário e atualizado dos capítulos de A Que Não Podia Amar

Confira o resumo dos capítulos das outras novelas da TV Globo, SBT, Record TV e Band.

Últimos vídeos do Canal no YouTube