Clara (Bianca Bin), Caetana (Laura Cardoso) e Sophia (Marieta Severo) de O Outro Lado do Paraiso
Clara (Bianca Bin), Caetana (Laura Cardoso) e Sophia (Marieta Severo) de O Outro Lado do Paraíso (Divulgação/TV Globo)

Nesta sexta-feira (11), irá ao ar o último capítulo de O Outro Lado do Paraíso, trama das 21h escrita por Walcyr Carrasco. No início do encerramento da atração, Sophia (Marieta Severo) será condenada a ficar num manicômio judiciário e levará choques no local. Estela (Juliana Caldas) será a única pessoa que fará visitas para a malvada.

“Realmente uma protagonista”, afirma Walcyr Carrasco sobre Erika Januza

Mariano (Juliano Cazarré) virará chefe do garimpo e descobrirá que Lívia (Grazi Massafera) está esperando um filho dele. Beth (Gloria Pires) fará sucesso com um desfile feito com roupas desenhadas por ela e seguirá o romance com Renan (Marcello Novaes).

Caetana (Laura Cardoso) morrerá, mas antes receberá a benção de Mercedes (Fernanda Montenegro). A curandeira será surpreendida por Josafá (Lima Duarte), que falará que a quer como mulher e lhe dará um beijo.

Laura Cardoso lamenta o fim de O Outro Lado do Paraíso: “O coração fica apertado”

Clara (Bianca Bin) resolverá reatar com Patrick (Thiago Fragoso) e Gael (Sergio Guizé) irá para o Rio de Janeiro para não acompanhar o casamento da ex. Na capital carioca, o playboy conhecerá Taís (Vanessa Giácomo), moça que era agredida pelo marido.

O moreno ajudará a mulher e terá um romance com ela. Clara e Patrick se casarão e viajarão com Tomaz (Vitor Figueiredo) para o Jalapão. A mocinha será surpreendida pelo filho, que a chamará de mãe pela primeira vez.

Thiago Fragoso conta como espera que seja o final de Patrick em O Outro Lado do Paraíso

Ao final, imagens do lugar paradisíaco serão mostradas e um texto dito por Mercedes encerrará a produção. “Esta é a história de Clara. É uma das muitas histórias que acontecem no Jalapão, no Tocantins. O Tocantins! Quando o mundo acabar, só restará o Tocantins! Eu ou minha neta, estaremos esperando com alimentos, água, roupas, sementes para plantar, livros para estudar, tudo que já estoquei durante a vida toda. É minha missão. Surgirá uma nova civilização, sem guerras ou ódio. Baseada no amor e na fraternidade. Entretanto, até lá, no passado, no presente, no futuro, as pessoas, eu, você, nós, continuaremos a eterna luta entre a luz e a escuridão. Mas, seja pelo sofrimento ou pela dor, pela alegria ou pelo amor, todos um dia encontrarão a Luz Maior”, concluirá a sensitiva.

 

 

Conheça nosso canal no YouTube