Família chora a morte de Júlio (Antonio Calloni) em Éramos Seis (Reprodução / Twitter)
Família chora a morte de Júlio (Antonio Calloni) em Éramos Seis (Reprodução / Twitter)

A repercussão de Éramos Seis nas redes sociais atingiu proporções bem acima do normal no final da tarde desta segunda-feira (2). Isso porque foi ao ar, no capítulo de hoje, um dos momentos mais emotivos e esperados da adaptação do livro de Maria José Dupré: a morte de Júlio (Antonio Calloni), o protagonista.

Internado no quarto de um hospital, ele deu seu último suspira na frente da esposa, Lola (Glória Pires), e dos quatro filhos do casal. “Ele acabou de fechar os olhos e nós cinco, meus quatro filhos e eu, nos abraçamos desesperadamente, pois parecia que estavam arrancando um pedaço de nós mesmos. Foi horrível e dilacerante“, narrou, em off, a protagonista.

Em plataforma como o Twitter, não faltaram elogios à sequência e ao conjunto da obra de Calloni em mais esse inesquecível personagem. “Lá se foi o nosso Júlio, um personagem complexo que marcou em sua passagem pela trama. Um homem que sonhou por toda sua vida tentar mudar o seu destino. Antonio Calloni, você brilhou! Obrigado por tudo!”, comoveu-se um usuário do microblog.

Parabéns, Antonio Calloni, através da sua brilhante interpretação a gente pode sentir absolutamente todas as emoções do seu Júlio“, concordou outro.

Últimos vídeos do Canal no YouTube