Júlio, de Éramos Seis
Júlio, de Éramos Seis (Reprodução)

Júlio (Antonio Calloni) fica muito irritado depois que descobre que Alfredo (Nicolas Prattes) usou o dinheiro da família para jogar, em Éramos Seis. O rapaz pegou a grana que seria usada para pagar a parcela da casa e a dobrou. Com isso, conseguiu também comprar os remédios do pai, que não aceita isso, já que considera o jogo sujo.

Quem conta tudo para Júlio é Carlos (Danilo Mesquita), que não suporta a inveja de Alfredo durante um jantar. “Como é que é? O que o Carlos falou é verdade? Você me fez de trouxa?”, pergunta o vendedor. Nisso, Lola já sabe que vai ter encrenca e pede calma ao marido, dizendo que o filho só quis agradá-lo.

“Agradar? Agradar, Lola? Agradar uma ova, quis enganar, que é só o que sabe fazer. Mentiroso de uma figa, mente como respira. Me fez ter esperança, por um segundo, acreditar que tinha tomado algum jeito nessa vida”, afirma Júlio, ofendendo Alfredo. Todos começam a minimizar a questão, porque já sabem que pode virar uma confusão.

Nem Lola consegue acalmar

Julinho (André Luiz Frambach) lembra que Alfredo lhe comprou remédios. “A custo de quê? Hein, Lola? Pegou seu dinheiro e jogou? Não pode. Alfredo vai ter que falar a verdade na minha cara! Estou esperando. Pegou o dinheiro da sua mãe, meu dinheiro, e apostou, é? Fala, seu esperto! Seja homem!”, pede Júlio.

Já com raiva, Alfredo explode, dizendo que é homem e muito mais do que o almofadinha do Carlos, que reagem mandando ele calar a boca ou partirá para cima. “Não! Parem com isso, parem agora! Mas o que estão fazendo? Que casa é essa que não tem paz? Que não se janta, pelo amor de Deus, não se come em paz?”, pergunta Lola.

“Eu que te pergunto, Lola! Que casa é essa? Onde o seu filho que vive às minhas custas não estuda… Não trabalha… Não completa o segundo ciclo. E passa as noites na farra, achando que pode passar a perna em todo mundo? É isso que temos?”, indaga Júlio, que ainda diz que não sabe o que Alfredo quer.

O enfrentamento

O menino responde: “Quero ser feliz, muito mais do que o senhor é. O senhor não enxerga um palmo adiante do nariz, só sabe ter raiva da vida. Vive se achando explorado pelo patrão e maldizendo todos nós. Não tenho orgulho de ser quem eu sou, mas o senhor tem orgulho de ser o que é?”.

“Não espero que reconheça o sacrifício que eu faço. Não espero que um dia venha me agradecer por eu ter dado a minha vida pela de cada um de vocês… Tenho seis bocas pra alimentar, vivo com dinheiro contado, dependendo de comissão, mas não preciso que o meu filho pague meu remédio com o dinheiro do jogo”, diz Júlio.

Mas Alfredo consegue atingir Júlio: “Paguei seu remédio… e a sua bebida”. O vendedor dá uma bofetada no filho, que se levanta e sai da mesa. O clima fica péssimo, mas ninguém faz nada para revertê-lo.

As cenas estão previstas para irem ao ar a partir do capítulo 26.

Mais Informações, curiosidades, sinopse, personagens e o resumo diário e atualizado dos capítulos da novela Éramos Seis

Confira o resumo dos capítulos das outras novelas da TV Globo, SBT, Record TV e Band.

Últimos vídeos do Canal no YouTube