O ator Renato Góes, interprete do personagem Jamil em Órfãos da Terra, afirmou em entrevista ao TV Fama, que ainda existe preconceito com nordestinos na televisão. Pernambucano, o profissional conta que já escutou de várias pessoas frases de cunho xenofóbico. “É como se você só pudesse fazer tal tipo de trabalho“, explicou.

A gente sai um pouco preocupado com o que vai ser. Realmente existe um preconceito até hoje, muito grande. Eu escutei de várias pessoas de que eu só poderia fazer tal tipo de trabalho”, completou ele, salientando estar orgulhoso da maior entrada de nordestinos na televisão, tanto em novelas quanto em outros projetos.

Noivo de Thaila Ayala, Góes se prepara para se despedir de seu personagem. Órfãos da Terra segue para seus últimos momentos na Globo, abrindo espaço, então, para o remake de Éramos Seis, agendada para estrear dia 30 de setembro. Sobre a escolha do local do seu casamento com a atriz, o ator revela. “Recife é um local que tanto eu quanto ela nos identificamos muito. Escolhemos ele também também pela família, ela gosta muito também, eu sempre quis casar em Recife, tem tantas igrejas lindas“, revelou.

Sobre o final que deseja para a vilã Dalila em Órfãos da Terra, o galã diz que a punição severa seria o mais cabível. “Eu queria que ela tivesse uma chance de sofrer no sentido da mudança, de passar anos por qualquer coisa do tipo, ou passar por um bom sistema carcerário“, finalizou.

Últimos vídeos do Canal no YouTube