Ex-jogador Carlos Alberto no Jogo Sagrado: jogador fez o programa do Fox Sports ter uma repercussão e audiência que jamais viu (Reprodução/Fox Sports)
Ex-jogador Carlos Alberto no Jogo Sagrado: jogador fez o programa do Fox Sports ter uma repercussão e audiência que jamais viu (Reprodução/Fox Sports)

Ídolo do Vasco, Fluminense e conhecido por passagens importantes em vários clubes do Brasil, o ex-jogador Carlos Alberto sempre provocou polêmica por onde passou. Mas nem mesmo o maior defensor de sua contratação no Fox Sports imaginou que sua chegada ao programa Jogo Sagrado, exibido nas noites de segunda, daria tanta repercussão.

Com falas um tanto quanto absurdas, como dizer que Real Madrid e Barcelona não seriam campeões da Série B do Brasileirão, Carlos Alberto ajudou o canal esportivo a aumentar a audiência e a repercussão no seu calcanhar de Aquiles de sua programação: a segunda à noite.

Desde que foi fundada, o canal não conseguia fazer frente ao Linha de Passe, da ESPN Brasil, e o Bem Amigos!, do SporTV. Desde a estreia de um novo formato, que inclui as opiniões de ex-boleiros, o programa conseguiu subir os seus números e equilibrar a disputa entre as três principais emissoras de esporte do Brasil.

Além disso, a repercussão é o que mais tem animado. Antes da chegada do ex-jogador e suas declarações, o Jogo Sagrado era um program que ninguém via e não tinha grande repercussão. Ele, por exemplo, jamais havia chegado nos Trending Topics do Twitter. Só após a chegada de Carlos Alberto, ele chegou quatro vezes ao topo dos assuntos mais comentados do Brasil.

O problema é que isso tem um preço. Mas o Fox Sports parece estar disposto a pagar. Segundo apurou o Observatório da Televisão com diversas fontes, até mesmo internamente Carlos Alberto divide opiniões dentro da própria emissora esportiva. Parte gosta da repercussão e da audiência que ele trouxe, mesmo que negativamente.

Carlos Alberto deixa Fox Sports entre a cruz e a espada: clubes não querem ceder jogadores ao Jogo Sagrado

Estes dizem que num momento em que a vida do canal ainda é muito incerta por causa da venda da emissora pela fusão entre Disney e Fox, tudo é bem vindo. O problema é que nem todo mundo concorda com isso e outra ala acha bizarro colegas comemorarem a audiência alta com o canal virando piada entre telespectadores.

O fato é que o Jogo Sagrado finalmente emplacou. Estreado em 2018 com comando de Benjamin Back, o programa mudou seu formato em julho para tentar angariar mais números. Conseguiu graças as polêmicas. Internamente, já tem quem o chame de Fox Sports Rádio 2.

Carlos Alberto no Fox Sports
Carlos Alberto no Fox Sports (Reprodução/Fox Sports)

Entretanto, por causa das opiniões polêmicas de Carlos Alberto, como dizer que “quebraria no meio” o atacante Gabigol, o Jogo Sagrado tem tido dificuldades para conseguir jogadores convidados. Alguns clubes “pegaram birra” e se recusam a ceder convidados por conta de ex-jogador do Vasco. Um deles é o próprio Flamengo, clube de Gabigol. Com isso, o Jogo Sagrado fica sem entrevistas.

Hoje, o programa é um sucesso. Mas a própria direção do Fox Sports entende que tem um dilema em suas mãos. É como estar entre a cruz e a espada. Aproveita o chamariz de atenção que ele atrai, deixa Carlos Alberto solto e enfrenta as consequências, ou pede para o ex-meio campo dar uma maneirada para as piadas pararem? A ver qual será a decisão.

Contudo, procurada oficialmente para comentar o assunto para o Observatório da Televisão, o Fox Sports não respondeu aos contato. Caso o faça, a reportagem será atualizada.

Últimos vídeos do Canal no YouTube