A volta do Xaveco aumentou a audiência do Domingo Legal
A volta do Xaveco aumentou a audiência do Domingo Legal (Reprodução: SBT)

Os critérios seletivos para o quadro Xaveco do Domingo Legal geraram polêmica nas redes sociais após um banner promocional da VS Produções, agência que seleciona parte desses participantes, ter viralizado. No anúncio em questão, está a exigência de quê o candidato, para participar do famoso quadro comandado por Celso Portiolli, seja heterossexual.

O Observatório da Televisão apurou que a produção do Domingo Legal tem como necessidade a parceria com agências para a seletiva dos candidatos do Xaveco, pois o número de pessoas chega a cerca de 240. Porém, os trâmites e critérios de escolha dos mesmos ocorrem de maneira independente.

O SBT não se envolve no processo de escolha promovido pelas agências. Os candidatos chegam prontos à emissora, e lá, todos passam por uma análise através de questionário com 80 perguntas. O SBT informou à reportagem que jamais exigiu que os participantes do Xaveco fossem heterossexuais e que também não autorizou a empresa VS Produções a fazer o anúncio utilizando foto de Celso Portiolli. A emissora irá contatar a agência para que ela deixe de veicular o anúncio.

Confira o anúncio da agência para participantes do Xaveco:

Em contato, a VS Produções explicou que entende o ato preconceituoso e que o anúncio já foi retirado do ar. Eles ressaltam que também são procurados por homossexuais interessados em participar do Xaveco e que inclusive alguns já participaram do programa. A responsável pelo anúncio explicou que não se atentou às informações e que não tem qualquer preconceito: “Escrevemos ‘hétero’ por que é a ideia de casal que eu tinha“, finalizou.

O Xaveco foi originalmente exibido em 1997, como um programa, e retornou ao Domingo Legal como quadro no início de 2019, tornando-se sucesso de audiência, remodelando seu já conhecido formato aos tempos atuais.

Últimos vídeos do Canal no YouTube