No ar como o Candé de Verão 90, trama das 19h de Izabel de Oliveira e Paula Amaral, Kayky Brito falou sobre sintonia em cena com Miguel Rômulo, que vive a Sabrina, drag queen que pode terminar o enredo formando par romântico com o astro.

“Foi a primeira vez que trabalhei com o Miguel e, desde o primeiro dia, tivemos uma troca muito boa. Ele é um ótimo ator e espero ainda termos muitos papéis diferentes e desafios juntos”, declarou o famoso ao Gshow.

“Teve aproximação, carinho e afeto entre os personagens. Esses valores foram os que valeram”, destacou o ator, que disse sair transformado pelo trabalho na novela. “Não importa o quão fundo você vai no personagem, ele sempre terá uma parte de você. Candé, de fato, me engrandeceu e o levarei para minha vida”, garantiu.

Em certo momento da história, o papel de Brito formou com Patrick (Klebber Toledo) e João (Rafael Vitti) o grupo de gogo boys, Os Tigres Siberianos. O artista disse que teve que frequentar aulas de dança por causa da fase do personagem.

“Tivemos aulas e mais aulas com Caio Nunes, professor de dança. Ensaiávamos várias coreografias e, no dia de gravar, ficávamos a disposição do Jorge Fernando (diretor) para encaixar os movimentos na cena”, concluiu Kayky.

Últimos vídeos do Canal no YouTube