Marcos Nisti, Debora Falabella e Pedro Neto
Marcos Nisti, Debora Falabella e Pedro Neto no lançamento de Aruanas (Foto: Nuno Canhoto)

Depois de Londres, Nova York e São Paulo, chegou a vez de Aruanas ter seu lançamento em Lisboa. O evento aconteceu no último dia 17, no Cinema NOS Amoreiras. Debora Falabella, que interpreta uma das protagonistas da trama, marcou presença no evento ao lado do autor Marcos Nisti e de Ricardo Pereira, diretor da Globo Portugal.

O lançamento também contou com a presença de organizações internacionais que são referência em Meio Ambiente e Direitos Humanos. Além de jornalistas e influenciadores. A secretária-geral do Ministério do Ambiente, Alexandra Carvalho, e Pedro Neto, diretor da Anistia Internacional, estiveram presentes.

“O que acabamos de assistir foi muito poderoso. Esta série toca em todos os aspectos relacionados com as preocupações ambientais, é impressionante. Aruanas vai ter um impacto enorme, tenho a certeza”, afirmou Alexandra. Para Nilo D’ávila diretor de campanhas do Greenpeace Brasil, parceiro técnico da série, vivemos uma urgência climática no mundo. “Esse é um tema muito sério. As cenas que acabamos de ver são muito impactantes. Espero que Aruanas desperte o público mais jovem para essas questões”.

História

A série retrata a história das ativistas Natalie (Débora Falabella), Luiza (Leandra Leal), Verônica (Taís Araújo) e Clara (Thainá Duarte) na ONG Aruana ao investigar as atividades de uma mineradora que atua na Amazônia. Cada uma em sua trilha investigativa, as protagonistas criam um mosaico de evidências que leva a um grande esquema de crimes ambientais. Tudo envolvendo garimpos ilegais e uma renomada mineradora nacional.

A série reúne suspense e ação para suscitar um importante debate sobre a necessidade urgente da preservação da maior floresta tropical do mundo. “Sempre tenho uma experiência linda em Portugal. Estou muito feliz de estar aqui hoje lançando um trabalho tão importante para mim.

Um artista e um ativista se encontram no fato de ambos quererem mudar o mundo da forma como conseguem. Fazer Aruanas e juntar um trabalho artístico com uma personagem tão rica e que fala de um assunto tão importante é um sonho”, comentou Debora. 

Produção

Uma coprodução da Globo com a Maria Farinha Filmes original para o Globoplay, Aruanas vai além do discurso socioambiental: em uma articulação inédita, está mobilizando uma rede de ativistas em todo o mundo. Tudo através do apoio e engajamento de mais de 20 ONGs internacionais e nacionais.

Além disso, toda a produção da série foi desenvolvida de maneira sustentável e em respeito com o entorno do set. “Lisboa foi a terceira cidade escolhida para o lançamento internacional de Aruanas e é um prazer estar aqui. O tema levantado pela série merecia ser falado. Esperamos alertar o público para esse tema através da ficção”, disse Marcos.

Escrita por Estela Renner e Marcos Nisti, com a colaboração de Pedro de Barros, a série tem direção artística de Carlos Manga Jr. e direção geral de Estela Renner. Disponível em mais de 150 países, com legendas em 11 idiomas – inglês, espanhol, francês, italiano, alemão, holandês, russo, árabe, hindi, turco e coreano – a série está disponível mundialmente em www.aruanas.tv, em um ambiente powered by Vimeo, onde pode ser comprada por US$ 12,90. Até outubro, 50% das vendas serão doadas para uma iniciativa (a ser revelada) de proteção da floresta amazônica.

Últimos vídeos do Canal no YouTube