Isabela Scalabrini no MG1, da Globo: jornalista deixará o comando do telejornal local da Globo (Reprodução/Globo Minas)
Isabela Scalabrini no MG1, da Globo: jornalista deixará o comando do telejornal local da Globo (Reprodução/Globo Minas)

Uma das jornalistas mais conhecidas de Minas Gerais e âncora do MG1 desde 1998 na Globo Minas, a jornalista Isabela Scalabrini deixará a apresentação do jornalístico da hora do almoço. Isabela sairá do comando do tradicional jornal após 21 anos e vai se dedicar apenas a produção de reportagens especiais da Globo.

Procurada pelo Observatório da Televisão, a Comunicação da Globo confirma a informação. A partir da próxima segunda-feira (5), a jornalista Aline Aguiar assume de forma definitiva o MG1 no lugar de Isabela Scalabrini. O fato faz parte de uma série de mudanças implementadas pelo novo Diretor de Jornalismo da emissora em Minas Gerais, Marcelo Moreira.

Entre essas mudanças, estão a regionalização do Bom Dia Brasil, que terá um esquema parecido com o que acontece em São Paulo. Além disso, o Globo Esporte MG ganhará novo cenário na segunda-feira. O programa, no mês passado, passou a ser comandado por Jaime Júnior, que até então era apresentador do bloco de esportes do Bom Dia Minas.

Isabela Scalabrini está na Globo desde 1980. Natural do Rio de Janeiro, ela ficou conhecida em todo o Brasil após ser uma das primeiras repórteres esportivas femininas do Brasil. Comandou o Globo Esporte no Rio no fim da década de 80, por exemplo e cobriu Copa do Mundo e Jogos Olímpicos.

Em 1992, passou para a editoria geral e em 1998 chegou na Globo Minas para apresentar o MG1. Desde então, fazia o jornal enquanto também fechava VTs para os grandes jornais da rede. Sua última grande cobertura foi a tragédia de Brumadinho, em janeiro. Isabela foi criticada pelo público pelo comportamento na cobertura e foi afastada da cobertura em rede nacional.

Globo está passando por mudanças em Minas Gerais

Desde março, a Globo em Minas está mudando sua estrutura por conta da chegada do novo diretor de Jornalismo da emissora, Marcelo Moreira. 

Moreira assumiu a função após Renê Astigarraga, ex-diretor da Globo em Minas, que tinha 16 anos no cargo, se aposentar. Moreira foi um dos criadores da campanha Fato ou Fake, que ajudou na cobertura das Eleições 2018. 

Além disso, Marcelo Moreira também atuou como editor-chefe do RJ2 entre 2008 e 2013, e ajudou na cobertura das Copas do Mundo de 2010 e 2014, além das Olimpíadas do Rio em 2016.

Últimos vídeos do Canal no YouTube