Miguel Rômulo viverá o malandro Marquinhos em Malhação (Foto: Divulgação / Globo)
Miguel Rômulo como o malandro Marquinhos em Malhação (Foto: Divulgação / Globo)

Após sucesso na última novela das seis Orgulho e Paixão, da Globo, o ator Miguel Rômulo poderá ser visto em uma outra produção da emissora.

Ele recebeu um convite para atuar em Malhação: Vidas Brasileiras. A princípio, de acordo com o jornal Extra, será uma participação especial da história teen.

Leia mais: “O ego dos atores é excessivamente inflado”, afirma Miguel Rômulo o Quincas de Êta Mundo Bom

Ele vai interpretar o malandro Marquinhos, pai de Valentina (Maria Alice Guedes), fruto da relação com Talíssia (Luellem de Castro).

Logo após entrar na trama, o rapaz causará a maior dor de cabeça para mãe e filha. Isso porque ele chegará duvidando se Talissia consegue dar conta dos cuidados com a menina sozinha.

Leia mais: No ar em Malhação, Dora Freind afirma que empoderamento vai além do discurso: “É preciso ter planos”

Além disso, Marquinhos irá atrasar para pagar a pensão alimentícia, bem como criar outras confusões para atrapalhar a paz da ex.

A saber, atual temporada de Malhação tem alcançado números bons para a Globo em seu horário. A média em São Paulo, principal polo de televisores ligados, é de 17 pontos de audiência. A previsão é que essa temporada do folhetim acabe em abril de 2019.

Paulo Ricardo e atriz de Malhação se estranham

Na edição desta quarta-feira (24) do Encontro com Fátima Bernardes, a atração realizou uma atividade com os convidados na qual eles teriam que se ouvir dizendo algumas frases polêmicas.

A apresentadora citou a frase ‘até que pra uma mulher, você dirige bem’, o que logo causou reação no cantor Paulo Ricardo“As pessoas ficaram um pouco… Também… Muito sensíveis. De um tempo pra cá, tem essa praga do politicamente correto, e algumas coisas que poderiam ser levadas na brincadeira”, disparou o músico.

Leia mais: Nuno Leal Maia se recorda do professor Pasqualete, de Malhação: “Era muito bom fazer”

“Dependendo da pessoa, claro, você fala ‘até que pra uma mulher’, dependendo do seu grau de intimidade, ‘você dirige bem’, ‘dirige mal’, é brincadeira. ‘Mulher no volante, perigo constante’, tem coisas que são piadas, ninguém está realmente questionando”, defendeu o artista, sendo então interrompido por Jeniffer Dias.

“Mas não cabe mais, né, esse tipo de piada. Eu acho”, rebateu a estrela, que vive a Dandara de Malhação – Vidas Brasileiras. “É o politicamente correto. Então… Eu acho que o humor politicamente correto é muito chato”, analisou Paulo. Na web, o momento repercutiu.

Últimos vídeos do Canal no YouTube