Angélica estaria negociando novo programa (Divulgação/ TV Globo)
Angélica estaria negociando novo programa (Divulgação/ TV Globo)

Angélica pode estrelar um novo programa semanal nas noites da Globo. De acordo com informações do Jornal Agora São Paulo, a apresentadora pode voltar com tudo na tela da emissora carioca logo após ano sabático.

Tudo indica que a loira deve voltar ao ar em 2019. A saber, ela está na geladeira global desde julho, após o fim de seu programa Estrelas, o qual comandou por 12 anos.

Segundo o jornal paulista, a profissional está em fase de negociações para apresentar uma atração com periodicidade semanal. Além disso, especula-se que a nova produção será  noturna, com temática voltada para o entretenimento.

Leia mais: Eliana comenta suposta rivalidade com Xuxa, Angélica e Mara Maravilha

Angélica não descartou outras emissoras

Até então, sem nenhum trabalho em vista, Angélica estaria recebendo auxílio – pelo menos moral – de colegas da Globo, bem como de outras redes de TV.

De acordo com o colunista Ricardo Feltrin, do portal UOL, esses conhecidos estariam tentando convencer a direção de colocá-la de volta no ar. E os de demais canais sondando possibilidades. Segundo Feltrin, ela estaria aberta a novas “empreitadas”.

A saber, o contrato da esposa de Luciano Huck com a Globo termina em breve. O assunto renovação ainda não foi veiculado e, portanto, a continuação da loira no canal ainda é uma incógnita apesar doas boatos de um programa.

Leia mais: Na geladeira, Angélica se recusa a fazer novelas na Globo

Apresentadora recusou papel em novelas

Para quem não sabe, Angélica já encarnou diversos papeis como atriz na televisão, bem como no cinema. Um dos mais célebres foi nos anos 90, a fada Bela, do seriado Caça Talentos.

Por isso, a veterana chegou a ser cogitada para algumas novelas, afinal, já sabiam da familiaridade dela com esse tipo de produção. Porém, Angélica deixou claro que essa não é uma prioridade para sua carreira.

“Algumas pessoas já vieram me falar isso de retomar o lado de atriz, mas quando eu fiz, era um complemento, uma segunda coisa. Nunca foi uma ideia principal”, revelou.