Renata Sorrah sera mae de Laureta (Adriana Esteves) em Segundo Sol
Renata Sorrah será mãe de Laureta (Adriana Esteves) em Segundo Sol (Divulgação/TV Globo)

Longe da TV desde que viveu a Eleonora de A Regra do Jogo (2015), Renata Sorrah voltará ao ar em Segundo Sol, trama das 21h de João Emanuel Carneiro que tem previsão para exibir o último capítulo em novembro.

Leia: Segundo Sol: Agenor flagra Nice com outro homem e surta: “Tá aprendendo a fazer programa com sua filha?”

A estrela será Dulce, mãe da vilã Laureta (Adriana Esteves). A personagem será uma mulher esquizofrênica que foi parar num manicômio após ter se separado de Nestor (Francisco Cuoco), farmacêutico que teve um caso com Naná (Arlete Salles).

Saiba mais: Segundo Sol: Karola surta, detona o próprio cabelo e acaba enganada por freira que é aliada de Laureta

A atriz falou sobre atuar novamente com Esteves. “Nós já fomos mãe e filha em Pedra Sobre Pedra e ela interpretou a Nazaré jovem em Senhora do Destino. A Adriana é uma atriz maravilhosa e vai ser um prazer voltar a trabalhar com ela”, afirmou a artista à Patrícia Kogut.

Segundo Sol: Laureta teve envolvimento com Severo quando era adolescente

A saber, nos próximos capítulos de Segundo Sol, Roberval (Fabrício Boliveira) será preso por causa de uma armação feita por Laureta (Adriana Esteves) e Severo (Odilon Wagner). Ao deixar a cadeia, será aconselhado por Zefa (Claudia Di Moura) para ficar longe da cafetina, pois ela é perigosa.

O milionário ficará intrigado com o que foi dito pela mãe e a questionará. “Tem certos assuntos, meu filho, que é melhor não mexer para não reabrir velhas feridas. Não quero falar disso”, dirá a empregada.

“A senhora sempre guardando segredos, mas esse a senhora vai me contar”, exigirá o irmão de Edgar (Caco Ciocler). A serviçal acabará entregando que Severo teve um caso com Laureta na época que a loira era adolescente e prostituta.

“Severo teve uma paixonite por Laureta, ela tinha uns 17 anos, era uma garota. Ele pensou em tirar ela da vida, mas depois desistiu. Foi isso”, concluirá, enfim, Zefa.