Emilio Dantas, Giovanna Antonelli e Deborah Secco, protagonistas de Segundo Sol
Emilio Dantas, Giovanna Antonelli e Deborah Secco, protagonistas de Segundo Sol (Divulgação/Globo)

A Unegro do Brasil (União de Negros pela Igualdade), uma das maiores entidades pela luta da igualdade racial no Brasil, entrou com uma ação civil pública na última segunda-feira (14) contra a Globo pela falta de atores negros na sua nova novela das 21h, Segundo Sol.

A ação já havia sido anunciada na semana passada na página da Unegro, mas só na segunda ela foi protocolada no Ministério Público da Bahia (MP-BA). A entidade critica o folhetim por se passar na Bahia, mas não ter nenhum negro em seu elenco principal e poucos em seu casting total.

Veja mais: Diretores de Segundo Sol dizem que trilha sonora é diferencial de novela

“A prática racista, (…), na verdade, não atinge apenas aos baianos e às baianas. Antes, fere a toda uma população e porque não dizer à sociedade brasileira, haja vista que, de acordo com a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio – PNAD-IBGE, a população brasileira estimada no ano passado, 2017, era de 205 milhões e 500 mil habitantes, sendo que os negros representam hoje a maioria, ou seja, cinquenta e cinco por cento, muito embora esse percentual na Bahia seja mais elevado (quase 80%)”, diz a petição.

A Unegro pede uma punição mais direta para a Globo e produtores de Segundo Sol. A socióloga Ângela Guimarães, presidente da Unegro, afirma que pedirá na Justiça uma limitar que obrigue a emissora carioca a colocar mais atores negros no folhetim.

“Se para implementar essas obrigações for necessária a readequação do roteiro, que sejam adotadas as medidas pela emissora”, diz Ângela. Caso a emissora não cumpra uma possível vitória na Justiça da ação, a Unegro pede multa de R$ 1 milhão por dia descumprido, valor que será revertido em inserções educativas sobre igualdade racial nos intervalos da emissora.

A Ação Civil Pública é de número 8003021-97.2018.8.05.0001 e tramita na 2ª Vara Especial da Fazenda Pública, em Salvador (BA). Esta é a terceira polêmica sobre a falta de negros em Segundo Sol desde que ela começou a ser produzida.

Veja também

Com programas na Rússia e noturno com globais, SporTV divulga detalhes de sua cobertura da Copa do Mundo

Esposa de Daniela Mercury aparece em Segundo Sol e cantora brinca: “Foi demais até pra mim”

Primeiro, um movimento na internet pedia a inclusão de outros atores negros, como Ailton Graça e Sheron Menezzes no elenco de Segundo Sol. Além disso, o MP já ajuíza uma campanha para notificar a Globo e outras emissoras sobre a falta de negros em telenovelas.