Faustão
Faustão (Reprodução/TV Globo)

Na edição deste domingo (11) do Domingão do Faustão, o DJ Malboro apresentou a música Rap da Felicidade no Ding Dong, quadro do formato, e Fausto Silva resolveu falar sobre a violência do Brasil após a canção.

Faustão reclama da falta que Gorete Milagres faz na TV: “Deveria estar aqui”

“O país está ao Deus dará há muito tempo. Por isso tem que ter essa consciência. Essa música é de 1995, desde essa época todo mundo clamando por felicidade”, declarou o comunicador, que resolveu falar também sobre a tradicional música que é gravada todo fim de ano pelos artistas do canal.


No Domingão, Marília Mendonça pergunta para Faustão: “Quando você vai me chamar para comer pizza?”

“Por isso eu encho o saco de falar, eu não canto mais essa p*rra de ‘hoje é um novo dia…’. Aqui na Globo eu não canto mais, não é novo dia p*rra nenhuma. O dia que tiver, eu volto aqui. Não tenho cara de pau para cantar isso”, disparou o famoso.

“Hoje é o grito do desespero, de uma sociedade que não conta com poder público. O Brasil é o único lugar que o governo não faz nada por você, ele rouba você. Tem que mudar”, concluiu Fausto, sendo aplaudido pela plateia.