Maitê Proença no Programa do Porchat
Maitê Proença no Programa do Porchat (Divulgação)

Uma das atrizes mais conhecidas da sua geração, a atriz Maitê Proença foi a convidada desta quinta-feira (8) do Programa do Porchat, talk-show apresentado por Fábio Porchat na Record.

Ela foi a convidada especial para o Dia Internacional da Mulher, comemorado nesta quinta. Maitê participou de uma brincadeira que mostrou como a mulher sofre com assédios em sua vida diariamente.

Veja mais: Em três dias, Record muda a programação três vezes

Depois, ela respondeu alguns questionamentos sobre sua carreira e dos tabus que teve que quebrar. Entre eles, Maitê falou sobre as cenas de nudez da novela Dona Beija, da extinta Manchete, que escandalizou o Brasil em 1986.

A atriz comentou que não era agradável fazer nudez naquela época: “Não é gostoso você entrar num estúdio com 90% de homens num estúdio e você ser a única pessoa pelada. Não é algo agradável, ainda mais naquela época, nos anos 80, quando ainda só tinha homens na TV”.

Maitê também comentou como aceitou fazer as cenas nuas do folhetim na época, dizendo que ajudou a editar as cenas para que tudo não ficasse ofensivo e acabasse com a sua imagem.

“Eu cheguei no estúdio e tinha uma mulher pelada. Eu perguntei quem era e me falaram que era a minha dublê. Eu pedi pra ela sair, porque não queria aquilo. No fim, topei fazer a nudez na novela, mas pedi pra ir na ilha de edição sempre pra não ficar uma coisa apelativa e expositiva contra mim, no mal sentido”, afirmou.

Maitê também disse que chegou a recusar trabalhos na televisão que queriam apelar para a sua nudez de forma fácil: “Várias vezes, muitas vezes. Eu sempre converso pra tentar contornar, mas quando não dá, não dá. Tem coisas que realmente não dá pra fazer. Teve proposta que foi vulgar, foi baixo, não precisava disso. Escreve um roteiro bom que as pessoas vão ver”.

Mudando de assunto, a atriz também falou sobre ter deixado de ter um contrato fixo com a Globo. Ela brincou que bateu um desespero, mas que agora não precisa fazer trabalhos que não acredita.

“Dá um desespero quando você tem um salário no final do mês e agora você não tem, ainda mais quando você tá gastando dinheiro para colocar uma peça no ar (risos). Mas ao mesmo tempo, você acaba não fazendo coisas que não acredita, que não quer fazer. Curiosamente, eu só estou fazendo coisas que não dão dinheiro agora (risos)”, explicou.

Por fim, Maitê fez uma revelação: tomou uma bronca da Globo quando participou de um vídeo do Porta dos Fundos, em 2013. Segundo a atriz, ela tomou uma baita bronca pelo vídeo.

“Não gostaram mesmo. Me deram uma chamada forte para a Globo. Não sei se pelo vídeo ou pelo Porta dos Fundos, mas não gostaram nada. Tomei uma baita bronca”, concluiu.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor coloque seu nome aqui