Cristina Padiglione deixa jornal Estado de São Paulo após 16 anos

Cristina Padiglione foi demitida do Estadão
Cristina Padiglione foi demitida do Estadão

Uma das importantes jornalistas sobre os bastidores de televisão Cristina Padiglione deixou o jornal Estado de São Paulo após 16 anos de serviço. A saída foi anunciada pela própria profissional no Facebook.

“Em 16 anos, cruzei muito mais com a sorte do que com a falta dela, amém, encontrei gente phyna, elegante e sincera, ri, sofri, chorei e me diverti, mas, o importante é que emoções eu vivi. Foi bonita, a festa, pá. Agora, vamos em busca de novas emoções. Todos os meus agradecimentos à turma do Limão. Estou por aí”, disse.

Cristina Padiglione assinava a coluna Sem Intervalo no jornal.


A demissão de Padiglione foi um possível corte na redação do jornal. Um outro jornalista deve assumir a coluna pela metade do salário que a profissional recebia.

A jornalista já passou por importantes veículos como Folha da Tarde, Jornal da Tarde e Folha de São Paulo. Por último, Padiglione ficou por 16 anos no Estado de São Paulo.