SBT e Band querem o aumento do limite de capital estrangeiro em emissoras


Representantes da Band e do SBT estariam tentando sensibilizar o governo para mudar a lei que limita em 30% a participação de empresas internacionais no controle de emissoras de televisão no Brasil.

Segundo a coluna do Fábio Campana no jornal da Indústria e Comércio, o canal da família Saad e o canal de Silvio Santos querem ampliar essa participação para 49%, possibilitando que quase metade do capital acionário das empresas de TV possam ser de investidores estrangeiros.

A ideia é que com esse aumento possa haver mais interesse das empresas de fora para investirem nas emissoras brasileiras, que enfrentam crise financeira. Com a ajuda de recursos internacionais, haveria a possibilidade de melhorar e aumentar a produção televisiva, mantendo o controle majoritário (51%), nas mãos de empresários nacionais.