Record faz acordo com demitidos do RecNov

Record promove demissões no Recnov; profissionais devem ser recontratados pela Casablanca

Enfim foi solucionada a pendência entre a Record e os demitidos do extinto RecNov, complexo de estúdios da emissora no Rio de Janeiro, que foi terceirizado para a produtora Casablanca.

Em assembleia realizada na última quinta-feira (09), no Sindicato dos Radialistas do Rio, ambas as partes selaram um acordo divulgado pelo site da organização da classe.

Segundo o site Natelinha, o acordo prevê o pagamento de R$ 11 mil a cada ex-funcionário do RecNov. Neste valor estão contemplados todos os demitidos após o dia 23 de novembro de 2015.


O acordo ainda deve ser assinado pela Record ao longo desta semana e a emissora terá 30 dias para depositar os valores na conta do Sindicato, que vai repassar aos funcionários demitidos.