Possível venda da Band volta a ser cogitada

Band
Band

Não é de hoje que informações apontam para uma possível venda de parte do Grupo Bandeirantes para o Grupo Turner. Sempre que a crise se agrava e a Band anuncia cortes nos gastos, de pessoal e cancelamentos de programas e produções, o rumor de venda volta ao mercado.

Desta vez, após o anúncio oficial que acrise financeira obrigou a emissora a desistir da transmissão do Campeonato Brasileiro Série A em 2016, o assunto está em alta novamente e notícias de bastidores apontam que a venda de 30% da Band para a Turner está em vias de se concretizar.

Até agora nada de oficial foi divulgado, até porque negociações desse porte são burocráticas e passam por processos demorados, que dependem, inclusive, de autorização de orgãos reguladores.


Mas o que se diz é que, segundo o Yahoo, a empresa Turner, que controla canais como CNN, Esporte Interativo e tantos outros, assumiria a parte artística da Band, como os programas da linha de shows e filmes. A Band ficaria apenas com jornalismo e programas do gênero.

A justificativa para a venda seria salvar a emissora da enorme crise e estagnação em que se encontra, sem capital para manter programas e atrações já tradicionais da Band, como o futebol, e sobretudo para novos investimentos que possam dar um gás na programação da emissora.