Vídeo com globais diz que emissora é corrupta e gera polêmica

Vídeo com globais diz que emissora é corrupta e gera polêmica

Um vídeo com Monica Iozzi, Tonico Pereira, José de Abreu e Letícia Sabatella está gerando barulho nas redes sociais.

Nas imagens, eles dão suas opiniões sobre a crise política atual e uma lista com os “onze maiores casos de corrupção no Brasil” é mostrada e inclui a Globo, canal que os têm como contratados.

Jornalista da Record News, Heródoto Barbeiro nunca teve contato com a Igreja Universal


A emissora carioca aparece na sétima colocação acusada de ter sonegado R$ 615 milhões. Os artistas, no entanto, em nenhum momento falam do canal. “Isso é uma loucura, uma sacanagem, botar uma coisa que não falei. Não estou falando pelos outros, mas eles devem estar no mesmo barco que eu. Ninguém falaria mal da Globo”, critica o ator. “Podemos ter divergências de pensamento, mas a Globo como empresa já salvou a minha vida muitas vezes”, disse Tonico ao UOL.

O intérprete de Ascânio em A Regra do Jogo falou ainda que pretende conversar com a Globo: “Vou falar e explicar o que falei. Não fiz nenhuma denúncia [contra a emissora]”.

A TV Poeira, que produziu o vídeo, justificou que não é a responsável pela versão que cita a platinada: “O video abaixo é a versão oficial e autorizada lançada pela TV Poeira. Quaisquer outras versões que estiverem circulando pelas redes sociais e outros canais não é a oficial e pedimos que retirem todas essas versões alternativas do ar.”