Ratinho chuta Milene Pavorô

Milene Pavorô deu o que falar na sexta-feira (25) quando ela supostamente foi chutada por Ratinho, durante seu programa no SBT.

Em uma das brincadeiras da atração Ratinho chutou uma caixa de papelão onde Milene estava escondida. A ação agressiva, mas nitidamente de brincadeira do animador, repercutiu e foi criticada pelos telespectadores nas redes sociais.

Ratinho causa revolta ao chutar Milene Pavorô ao vivo


Apesar da polêmica e suposta agressão gratuita de Ratinho, em entrevista a jornalista Janaína Nunes para o UOL, Milene Pavorô defende seu patrão.

“A maldade está no olho de quem vê. Foi uma brincadeira. Ou acham que o Ratinho iria me chutar em um programa de TV? Me escondi na caixa e ele não sabia. Enquanto ele falava, a caixa se movimentava. Ratinho chutou para descobrir o que estava acontecendo e levou um susto ao ver que eu estava ali. Tanto é verdade que no intervalo ele me chamou e me pediu desculpas e disse justamente o que eu contei. A plateia estava de testemunha”, conta Milene.

A assistente de palco não se machucou e nem achou a brincadeira de mau gosto. “Ele chutou para levantar a caixa, mas não me acertou. Eu sou carateca. Se tivesse chutado, eu machucaria alguém, mas o Ratinho, não. Ele ficou todo preocupado, tadinho”, comenta.

Milene Pavorô não é uma personagem

Milene conta ainda que Ratinho evita brincadeiras agressivas com as assistentes. “Quando alguém da produção sugere, Ratinho diz não. Prefere que os ‘ataques’ sejam no Marquito ou nos outros rapazes. Tenho um ótimo patrão! Ele jamais me machucaria”.

Quanto ao choro após o chute, Pavorô deixa claro: tudo encenação. “O meu papel ali é chorar. Fingir estar magoada e, pelo jeito, tenho me saído muito bem porque até nos shows perguntam como eu aguento tudo aquilo. Respondo: ‘É fácil, é tudo brincadeira'”.