Jornalista confirma que foi demitido do SBT por pressão da presidente Dilma

José-Neumane-Pinto1

O jornalista José Nêumanne Pinto, conhecido comentarista de política com passagens por grandes veículos como a Jovem Pan, o SBT e atualmente na TV Gazeta, assumiu em seu perfil no Twitter, que foi sim demitido do canal de Silvio Santos por pressão política.

Cynthia Benini acusa diretoria do SBT de ser partidária

Na ocasião da demissão, em fevereiro de 2014, o jornalista já havia dado declarações que apontavam que seu corte havia ocorrido por conta de ordens do governo do PT, que não estava gostando das opiniões de José Nêumanne Pinto nos telejornais do SBT.


Mas neste domingo (27) ele voltou a tocar no assunto, ao responder a questionamentos de seguidores na rede social, que comentavam sobre a atual crise política no Brasil e elogiavam a posição do jornalista.

Em determinado momento, um seguidor perguntou porque ele não estava mais no SBT. Foi quando ele afirmou que foi demitido da emissora por pressão da Dilma, mas que está muito bem na TV Gazeta.

Neumane Pinto

Em seguida, outro seguidor questionou José Nêumanne Pinto se os outros dois comentaristas que atuavam no SBT, Carlos Chagas e Denise Campos de Toledo também foram demitidos pelo mesmo motivos.

O jornalista diretamente respondeu que sim, foram dispensados juntos com ele, pelo mesmo motivo político.