Os manifestantes presentes em protestos pelo Brasil, ocorridos neste domingo (13) não perdoaram as equipes de TVs, especialmente as da Globo. Na Avenida Paulista, os repórteres e cinegrafistas da Globo e GloboNews foram hostilizados. Os profissionais, que estavam no local para trabalharem receberam todo tipo de xingamentos e ameaças

Fátima Bernardes mostra manifestação e estudantes gritam: “Abaixo a Rede Globo”

Algumas pessoas começaram a atirar objetos contra os jornalistas, o que poderia inclusive causar algum ferimento. Segundo o colunista Flávio Ricco, o repórter José Roberto Burnier ficou tão assustado que preferiu deixar o local antes do fim das manifestações. Uma repórter da GloboNews acabou sendo atingida por uma lata de cerveja.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor coloque seu nome aqui