Apesar do sucesso, Reinaldo Gottino já faz planos para deixar a TV

Reinaldo Gottino no Morning Show

Reinaldo Gottino esteve no estúdio da Jovem Pan FM nesta sexta, (04), e bateu um papo com a galera do Morning Show. À frente do Balanço Geral, da Record, Gottino afirmou estar bem satisfeito com o trabalho no telejornal e principalmente com a receptividade do público. “A gente conseguiu manter uma audiência legal, agora tem que manter!”

Mas será que  Reinaldo Gottino tem alguma fórmula secreta para conseguir alavancar os números de audiência de seu programa? De acordo com ele sim, e é o fato dele demonstrar sempre ser contra a violência com as próprias mãos. “Eu tento suavizar nos comentários, porque já estamos cercados de tanta violência! Se eu levar isso às pessoas elas vão a loucura, eles estão na hora do almoço, sabe?(…) Está dando certo eu mostrando que sou a favor da vida, que sou contra a violência com as próprias mãos. Recebo comentários ‘Gostou, leva pra casa!’ Mas eu acredito que temos que ir para o outro lado, o lado do bem, da educação.” O apresentador, inclusive, disse ser totalmente contra a expressão ‘bandido bom é bandido morto’… “Não suporto isso!”

Reinaldo Gottino confessou no Morning Show que ele fica abalado com os acontecimentos que coloca no ar, principalmente quando envolve crianças, já que ele á pai. “Não consigo ficar isento, ligar no automático. Eu me envolvo. Quando tem notícias de criança me abala, lembro dos meus filhos! Teve o caso recente dos jovens que tiveram o carro fuzilado por engano por policiais… Sabe existem profissionais que não podem errar. Um policial, um médico, não pode!”, opinou.


Mas não é só de violência e casos de polícia que o Balanço Geral vive. Quem assiste ao programa sabe que as fofocas do mundo dos famosos também chamam muito a atenção dos telespectadores. O Morning Show colocou Fabíola Reipert no telefone ao vivo no programa e ela aproveitou para contar umas fofocas do próprio Gottino. “O apelido dele é Boneco de Olinda! AH! E quando estamos comendo no restaurante por kilo, na hora do almoço, antes de pesar o prato, ele pega coxinha, bolinho, sem pesar!”, revelou Fabíola.

O apresentador se ‘defendeu’ e, apesar das brincadeiras, mostrou sua admiração pela colega de trabalho. “Vocês vêm que a Fabíola quase não fala, né?! Então no almoço a gente vai conversando e eu já vou experimentando e vendo o que esta bom (risos)! (…) Antigamente a Fabíola era 90% odiada, hoje ela é 50% odiada e 50% amada! Muita gente já passou a entender que esse é o trabalho dela, inclusive os famosos!”

Questionado sobre qual seu projeto de vida no futuro, como ele se imagina daqui alguns anos, Reinaldo Gottino disse na Jovem Pan que ele só pretende trabalhar até os 50 anos. “Eu me imagino trabalhando só mais 12 anos. Já combinei com minha esposa, vou trabalhar até os 50, ganhar um ‘dindin’ legal, e aí viajar. Sabe aqueles filmes românticos que acontecem na Itália, que não são em cidades turísticas? Quero ir lá!”