Violência nas escolas é o tema do Repórter Record Investigação


O Repórter Record Investigação desta segunda (16), mostra que a violência também está dentro das escolas. Tráfico de drogas, espancamentos e até assassinatos invadem as salas de aula de todo o País e afetam alunos e professores. O programa destaca alguns casos marcantes e os traumas que as vítimas carregam.

Uma delas é uma garota de apenas 14 anos, que se tornou prisioneira dentro da própria casa. Ela foi espancada por colegas da escola, que filmaram essa agressão e depois espalharam o vídeo pela internet. A adolescente tentou suicídio e precisou de tratamento psiquiátrico. E uma criança de apenas sete anos foi atacada por três colegas no banheiro da escola. O caso foi tão grave que ela mudou de colégio e trocou até de endereço.

No Maranhão, um desentendimento custou a vida de um professor. Cosme foi assassinado a golpes de facão depois de discutir com o pai de um dos seus alunos. O motivo? Ele deixou de ir à escola por apenas um dia. No outro extremo do País, uma professora gaúcha também sofreu com a violência. Só que, no caso dela, a agressora estava dentro da própria sala de aula.


O programa ainda mostra a compra e venda de drogas em uma escola de São Paulo em plena luz do dia. O que dizem as autoridades sobre essas situações?

O Repórter Record Investigação, comandado por Domingos Meirelles, vai ao ar à 0h15, logo após A Fazenda.