Saiba como era produzido o Cante se Puder com Patrícia Abravanel

cante se puder

O Cante se Puder foi um Game Show musical  exibido pelo SBT entre os anos de 2011 a 2013, tinha a apresentação de Patrícia Abravanel e do humorista Marcio Ballas. O programa colocava famosos em apuros. As celebridades tinham que passar por situações adversas, desde cantar pendurados, cantar no meio de animais e insetos.

RedeTV! é acusada de não pagar atores do programa de João Kléber

Uma fonte que fez parte da equipe do programa revelou como era os bastidores da atração. O programa era produzido e gravado em dois dias. No primeiro dia os assistentes de  palco e figurantes passavam as provas e faziam as marcações propostas pelo diretor, porém no primeiro dia era apenas um ensaio sem a presença do artista, já que o artista participante não sabia qual era a prova que ia participar, sabia apenas a música que ia cantar, tudo era uma surpresa para o artista. No segundo dia ocorria um ensaio antes e posteriormente a gravação. Os artistas iam até o palco ensaiar a música com o instrumental. Os assistentes de palco e figurantes também ensaiavam no segundo dia, mas sem ter contato com o artista.


O Cante se Puder era um dos programas mais trabalhosos de se fazer no SBT, já que para cada artista tinha um cenário diferente, pois o cenário remetia ao universo da música que o famoso cantava. Assim, os cenários eram trocados a todo instante.

A produção do programa convidava os artistas e perguntava qual era o medo que eles tinham, de acordo com as repostas criavam as provas para cada artista. Por exemplo no caso de um famoso ter medo de altura a prova estava relacionada à altura, assim o artista tinha que cantar uma música nas alturas e desafinava e muitas vezes  gritava de medo, o que tornava a situação engraçada.

A atração contava com dois  times o azul e o vermelho, os artistas que eram cantores e tinham músicas próprias cantavam suas músicas, já quem não era cantor podia escolher uma  música, que na maioria das vezes era uma música alegre, para  tornar a performance mais animada.

O Cante se Puder contava com três jurados, sendo Nany People, o cantor Nhain e a dançarina russa Lola Melnik, que eram responsáveis por julgar os participantes. O time vencedor, ganhava R$10.000,00, mas antes tinham que ir para prova final para levar o prêmio, que eram divididos entre os três participantes vencedores.

A atração contava com dois assistentes de palco masculinos e duas assistentes de palco femininas, que eram fixos no programa, sendo uma delas Larissa Dias Guerreiro, que atualmente faz parte do balé do SBT, e Daniele França que atualmente é a coreógrafa do Sensacional, programa de Daniela Albuquerque na Rede TV! Os figurantes não eram contratados, recebiam apenas cachê por diária de gravação, que era no valor de R$50,00.

O Cante se Puder, uma adaptação do original Sing if You Can, marcou a estreia de Patrícia Abravanel como apresentadora de programas de auditório, na atração a filha de Silvio Santos tinha que ler muito teleprompter e como não tinha experiência em televisão acabava errando muito, o que fazia as gravações do programa se estenderem até altas horas, porém o diretor tinha muita paciência com Patrícia, afinal ela é filha do patrão.

O Cante se Puder saiu do ar em junho de 2013, por ter seu formato desgastado e a audiência não corresponder mais as expectativas da emissora. O programa que estreou na vice-liderança terminou na terceira colocação na época.

Relembre o Cante se Puder: