Homem tentou matar repórter da Record com uma faca

Record pode criar um novo programa para às sextas

Tony Black, conhecido repórter da TV Antena 10, afiliada da Record no Piauí, quase foi morto por um homem na madrugada desta última terça-feira (10). O jornalista sofreu uma tentativa de homicídio em sua própria residência, em Teresina, capital do estado.

thonny-black

Segundo o site Natelinha, Tony Black contou tudo em uma entrevista para o site local GP1. “Ele estava acompanhado de outro sujeito e começaram a bater no portão da minha casa, chamando pelo meu nome. Então, fui atender e ele veio para cima de mim com uma faca e com pedras”.


O pior não aconteceu porque Tony Black foi salvo por seus vizinhos, que ouviram tudo e o ajudaram a controlar a situação. “Nós conversamos com ele, e ele foi liberado. Só que ele voltou, assim que a polícia saiu, e novamente veio me agredir. Eu dei um ‘canga pé’ nele, e eu mesmo acionei a polícia, que o levou para a Central de Flagrantes”, contou.

O jornalista acredita que o jovem estava sob efeito de drogas e não liga o atentado ao seu trabalho como repórter policial. O meliante está preso e deverá ficar assim até o fim do inquérito.