Emissoras ameaçam punir quem divulgar audiências do GfK

GfK começou a aferir audiência em 1º de outubro
GfK começou a aferir audiência em 1º de outubro

13 dias após o início da aferição de audiências pelo GfK no Brasil, nenhum número do instituto concorrente do Ibope foi divulgado até o momento.

O sigilo, como adiantou Flávio Ricco dias atrás, parte das emissoras de TV, que estão aguardando alguns dias para avaliar os primeiros resultados – o GfK não divulga nenhum dado, somente os canais têm essa liberdade.

Os poucos que tiveram acesso aos índices estão proibidos de os tornarem publicos e, quem os vazar, poderá sofrer severas puniões, completa o colunista.


CADÊ O PASSARINHO? -> Rodrigo Lombardi conta como escondia seu órgão sexual para gravar Verdades Secretas nu; descubra