cinegrafista globo agredido taxistas

Uma equipe de reportagem da TV Globo, que cobria o protesto dos taxistas contra a criação de uma nova categoria de taxis, na tarde desta quinta-feira (08), foi hostilizada pelos manifestantes. O ato começou pacífico por volta das 13h20, mas houve tensão entre repórteres e manifestantes. Um cinegrafista da Globo acabou sendo agredido com soco e rasteira.

Veja: GloboNews dispensa Eduardo Grillo, um de seus principais jornalistas

A manifestação aconteceu em frente à Prefeitura de São Paulo, na região central da cidade. Em vídeo publicado no portal da Folha, os taxistas cercam a equipe de reportagem da Globo agredindo verbalmente os jornalistas. Além disso, os integrantes do protesto impediram a entrada do público e da imprensa na prefeitura.


A manifestação ocorre porque o prefeito Fernando Haddad (PT) anunciou uma nova categoria de táxis, que funcionará apenas por aplicativos, incluindo motoristas do Uber na prestação de serviços.

Inicialmente, a prefeitura concederá cinco mil licenciamentos para o novo serviço, identificado como “Táxi Preto”. As permissões serão distribuídas dando preferência para os motoristas que já estão trabalhando.