Datena será candidato à prefeitura de São Paulo

Datena prefeito Olim vice

Após negar que seria candidato à prefeito de São Paulo nas eleições de 2016, Datena mudou de ideia e nesta terça-feira (28) se filiou ao Partido Progressista (PP), legenda pela qual disputará à prefeitura da capital paulista.

Datena se reuniu com o deputado Guilherme Mussi, genro de Silvio Santos (Mussi é namorado de Rebeca Abravanel, filha número cinco do dono do SBT) e ficou decidido o lançamento da sua candidatura.

Na chapa de Datena, como vice-prefeito, estará o delegado Antonio Assunção de Olim, amigo do apresentador da Band, e figura constante no Brasil Urgente.


Com personalidade forte e acostumado com os problemas de São Paulo, retratados diariamente em seu programa, Datena garante que está pronto para governar a cidade, não vai querer coligação com outros partidos e nem vai mudar seu estilo.

“Você acha que algum partido é capaz de me controlar? Quando não concordei com ideias em emissora de televisão [Record], saí e paguei. Isso já disse para os caras [que me convidaram]: se vocês acham que vou ser uma pessoa que vocês querem e não a que sou, vamos parar a conversa por aqui”, disse ele.