Tom Cavalcante volta à Globo onde não era benquisto

Tom Cavalcante

Em julho de 2004, Tom Cavalcante recebeu convite da Record para apresentar um programa e rompeu contrato com a Globo três meses antes do fim. Essa decisão fez com que o humorista ficasse queimado na emissora, onde trabalhou por mais de dez anos e estrelou programas como Escolinha do Professor Raimundo, Sai de Baixo e Mega Tom.

Tom Cavalcante ficou na Record por sete anos e em 2011 decidiu sair. Ficou três anos fora do ar, viajando e estudando, até que retornou ao Brasil para trabalhar em seu novo projeto, o #PartiuShopping, sitcom que estreou na segunda-feira (15) no Multishow.

De volta à TV brasileira, Tom Cavalcante parece também ter feito as pazes com a diretoria da Globo e Faustão foi o grande mediador dessa pacificação. O comediante retornou na tarde deste domingo (21) ao Domingão do Faustão, 11 anos depois de sair da Globo pela porta dos fundos.


“Acho que essa minha volta necessariamente se deve a você, se deve a tudo o que você representa para nós, artistas, na Globo”, disse Tom em agradecimento a Faustão.

“Aquele Tom Cavalcante, que em 92 queria entrar na Rede Globo, e você de pronto se colocou para dizer assim: ‘Quando você entrar na Escolinha do Professor Raimundo, no primeiro domingo você vai estar lá no Domingão com a gente’. E assim foi feito. Esse amigo que vocês estão vendo aqui, ao meu lado, não economizou esforços, através de seus amigos da diretoria, à família Marinho, ao [diretor-geral, Carlos Henrique] Schroder, para que esse retorno acontecesse hoje. Esse retorno é muito importante. Estou verdadeiramente muito agradecido por esse ato de grandeza, de generosidade”, discursou o comediante.

“A gente está aqui para amadurecer. O período em que eu estive fora da Rede Globo, foi um período de muito amadurecimento”, completou em seguida.

Em quase 20 minutos de apresentação no Domingão do Faustão, Tom Cavalcante imitou os cantores Fábio Jr, Gilberto Gil, Maria Bethânia, Roberto Carlos, contou piadas e trouxe alguns dos personagens que o ajudaram a alavancar a carreira, como o João Canabrava.