Willian Bonner expressa preconceito ao vivo no Jornal Nacional


Willian Bonner

Tudo em excesso, para mais ou para menos, acaba criando problemas e é exatamente isso que vem acontecendo com o Jornal Nacional. O principal telejornal do Brasil mudou, se tornou mais dinâmico, informal e descontraído, até ai tudo bem, o problemas é que os apresentadores, especialmente Willian Bonner, está passando dos limites.

Nesta segunda-feira (18), durante uma reportagem sobre o hacker americano Chris Roberts, homem suspeito de invadir o sistema de controle de um avião e que está sendo investigado pelo FBI, Willian Bonner fez um comentário dispensável e inconveniente sobre a aparência física do homem, que tem uma barba longa, careca lisa e óculos.


“O mundo parece que está ficando muito complicado, né. A gente até vê pelo rosto do sujeito ali que não tá fácil”, comentou.

Mas logo em seguida, Helter Duarte, correspondente do JN em Nova York, explicou que o homem pode ser apenas uma maluco querendo aparecer. Foi ai que Willian Bonner respondeu ao repórter e extrapolou a notícia e sua missão de informar.

“Cara de maluco ele tem, né, cá pra nós”, disse Willian Bonner em tom preconceituoso.

Imediatamente as falas de Willian Bonner cairam como uma bomba nas redes sociais e pegou muito mal. tanto que o próprio jornalista reconheceu o erro e pediu desculpas pelo comentário

“As pessoas se manifestam rapidamente nas redes sociais. Agora há pouco, teve gente que me censurou, porque eu disse que aquele rapaz que entra no computador do avião tinha cara de maluco. Fiquei pensando, que mau humor destas pessoas! Mas não”, disse.

Ao vivo, antes do Jornal nacional acabar, Willian Bonner se redimiu e desculpou-se com o público.

“Elas estão certas, porque eu conheço uma porção de gente com aquele cavanhaque, talvez não tão longo, com olho meio esbugalhado, mas eles não ficam entrando em avião, não! Não tem nada a ver o rosto do rapaz com o que ele fez ou diz que fez.”

Veja a foto do homem vítima do preconceito do jornalista:

cavanhas