Mulheres querem Marcos Pasquim em papel tradicional e romântico em Babilônia


A ideia de transformar Marcos Pasquim em um personagem homossexual na novela das nove da Globo, Babilônia, não funcionou muito bem. Segundo informações da colunista Patrícia Kogut, do Jornal O Globo, durante os grupos de discussão, as mulheres confessaram que preferem Marcos Pasquim em um papel convencional com o qual pudessem se identificar.

Famoso por interpretar galãs e mocinhos, Marcos Pasquim arranca suspiros das mulheres, que não viram com bons olhos o possível envolvimento dele com outro homem. Em razão disso e da recusa do público com personagens homossexuais, a trama de Carlos Alberto foi alterada na novela. Agora ele será heterossexual e terá dificuldades de se envolver com mulheres por conta do trauma que carrega por ter causado o acidente que matou sua mulher.

Babilônia tem sofrido com a baixa audiência e várias alterações foram feitas na trama para que a novela fosse aceita pelo público. Depois de nove semanas no ar, a audiência ainda não satisfaz a Globo e a novela foi encurtada.