emfamilia_divulgacao24 (1)

A novela Em Família já está há quase dois meses no ar e mesmo sendo uma produção feita para o horário mais nobre da Globo, a trama de Manoel Carlos ainda não emplacou no gosto popular. Focada em mais uma história de Helena a trama está desinteressante por parte da protagonista que, não consegue alavancar nem mesmo as histórias paralelas do folhetim.

De acordo com a publicação do jornal Folha de São Paulo, a novela no mês de Março teve índices abaixo dos 30 pontos no Ibope. A meta era a de chegar pelo menos aos 40. Após entrar na terceira fase a trama engatou uma marcha bem lenta, na condição do lenga-lenga que a prima Helena tem ao saber da reaproximação do grande amor de sua vida, que é o primo Larte.


Ainda que excedida por outras personagens secundárias – como Juliana Marina, Clara, Shirley e Chica que têm tramas próprias bem mais avançadas – Helena não é um problema da atriz Júlia Lemmertz. Segundo as análises retiradas do Blog de Nilson Xavier, a atriz está ótima no papel; com muita competência, toda a angústia de sua personagem é bem transmitida. O problema mesmo é o arrastar da história.

Por outro lado, a trama que ronda esta Helena só não chega a ser pior que a vivida por Thais Araújo em Viver a Vida. No decorrer da trama de 2010 a protagonista acabou perdendo o posto de queridinha para a tetraplégica Luciana, vivida por Alinne Moraes.