5 vilãs mais marcantes de novelas brasileiras

Elas tocaram o terror em novelas brasileiras (Foto: Reprodução/ TV Globo)

Nem sempre elas roubam a cena das novelas, mas na grande maioria das vezes sim. As vilãs causam durante todo o folhetim e provocam certas reviravoltas no desenrolar da história.

Muitas passam a ser odiadas, mas também têm aquelas que conseguem ao mesmo tempo ser amadas. Nazaré Tedesco e Carminha são apenas alguns nomes que não saem da memória dos amantes de novelas.

Confira agora uma lista com as 5 vilãs que mais marcaram em tramas brasileiras:


5º – Perpétua (Tieta — 1989)

perpetua
De santa Perpétua não tinha nada (Foto: Reprodução/ TV Globo)

Interpretada pela aprazível Joanna Fomm, a vilã católica, Perpétua, fez mais sucesso pela brilhante interpretação da atriz do que pela personagem em si.

A falsa beata cometia uma série de pecados e sempre usava a defesa da família para não ter a outra face revelada. Durante toda a exibição de “Tieta”, a religiosa guardou em uma caixa branca, cujo conteúdo só foi revelada no último capítulo: um órgão genital embalsamado do seu falecido marido.

4º – Branca Letícia (Por Amor — 1997)

Branca
Branca se achava superior (Foto: Reprodução/ TV Globo)

Madame carioca, Branca ganhou vida ao ter sido interpretada por Susana Vieira em Por Amor (1997), de Manoel Carlos. A megera odiava pobres e não pensava um segundo antes de humilhar o filho caçula, Leonardo (Murilo Benício) e sempre ao destilar o seu veneno real ela soltava inúmeras pérolas, um exemplo: “Quando eu sou boa, eu sou boa. Mas quando sou má, eu sou ótima”.

3º – Nazaré Tedesco (Senhora do Destino — 2004)

Atualmente, Nazaré é sucesso na web (Foto: Reprodução/ TV Globo)
Atualmente, Nazaré é sucesso na web (Foto: Reprodução/ TV Globo)

Em 2004 Renata Sorrah fez o Brasil inteiro rir e ao mesmo tempo sentir um misto de sentimentos pela vilã de “Senhora do Destino” Nazaré Tedesco. Sem medo de praticar o mal, Nazaré raptou Lindalva (Carolina Dieckman) recém-nascida e a criou como se fosse sua filha. A herdeira de Maria do Carmo (Susana Vieira) foi engana por anos.

Com um final marcante, a vilã teve seu desfecho após fugir da prisão e ter se jogado de uma ponte.

Anos após a exibição da novela, Maria Nazaré ainda é um sucesso. Na internet, a megera é diva de inúmeros memes matemáticos que são sucesso no Brasil e exterior.

2º – Odete Roitman (Vale Tudo — 1988)

Odete Roitman
Odete é fina, mas não é nada boazinha (Foto: Reprodução/ TV Globo)

Em 1988, a atriz Beatriz Segall viveu a vilã Odete Roitman. A personagem da renomada profissional apresentou ao público tiradas clássicas e um desprezo total pelos pobres.

Na época, o papel de Segall mexeu com o Brasil até que no último capítulo de “Vale Tudo”, trama assinada por Aguinaldo Silva, Gilberto Braga e Leonor Bassères, quando o país inteiro perguntava: Quem matou Odete Roitman?

1º – Carminha (Avenida Brasil — 2012)

Carminha
Carminha marcou com palavrões em horário nobre (Foto: Divulgação/ TV Globo)

Com seu jeito explosivo, a vilã Carminha, interpretada pela brilhante atriz Adriana Esteves, não só foi odiada pelo Brasil como também foi amada. Desequilibrada, ela virou sinônimo de sucesso em terras tupiniquins com sua agilidade e teatralidade ao mentir para o jogador de futebol Tufão (Murilo Benício), que passou a novela toda sendo traído pela personagem que tinha um relacionamento amoroso com Max (Marcello Novaes).

Além disso, Carmem Lúcia Moreira de Araújo foi desmascarada por Nina (Debora Falabella), que buscou vingança pela morte do pai.