Há 33 anos, terminava o sucesso Amor com Amor se Paga

Berta Loran e Ary Fontoura em Amor com Amor se Paga
Berta Loran e Ary Fontoura em Amor com Amor se Paga (Cedoc/Globo)

No dia 15 de setembro de 1984, a Globo reapresentava o último capítulo de Amor com Amor se Paga, uma das novelas das seis de maior sucesso de sua história. A trama de Ivani Ribeiro era uma segunda versão de Camomila e Bem-me-Quer, também escrita por ela para a TV Tupi em 1972, e consagrou o personagem Nonô Correia, vivido por Ary Fontoura.

Nonô Correira era um senhor cheio da grana: tem diversos imóveis que aluga na pequena cidade de Monte Santo, e esconde em sua casa um tesouro que ninguém sabe onde está, nem mesmo seus filhos, Tomás (Edson Celulari) e Elisa (Bia Nunnes). Mesmo assim, o velho é a avareza em pessoa, trancando a geladeira com cadeados, desligando as lâmpadas algumas vezes por semana e impedindo os filhos e a fiel empregada doméstica, Frosina (Berta Loran), de repetirem pratos às refeições.

Seu único amigo é Anselmo (Carlos Kroeber), o único que conhece o segredo de Nonô. Ele nutre um amor platônico por Elisa, prometendo um dote ao pai da moça, por exigência deste, a fim de casar-se com ela. Num belo dia, chega à cidade o misterioso Tio Romão (Fernando Torres), que se mostra como o avesso a Nonô Correia: é a generosidade em pessoa, gentil, educado e que passa a cultivar o hábito de oferecer chazinhos de camomila e bem-me-quer como simples pretexto para conversar com os moradores e lhes dar um pouco de calor humano. Seus chazinhos ficam conhecidos por toda a cidade, mas as pessoas se assustam com suas palavras certeiras. Alguns o consideram um santo, outros, um feiticeiro.


Os filhos de Nonô vivem seus conflitos. Enquanto Tomás se dedica a procurar o tesouro do pai, Elisa, que é bastante insegura, se apaixona por Gustavo (Caíque Ferreira), que se aproveita dela para dar o golpe do baú. Ele vive num quarto alugado por Judite (Chica Xavier), que, por sua vez, oferece salgadinhos ao armazém de Tito (Flávio Galvão), comerciante, acadêmico de Direito e político, e Santusa (Wanda Stefânia), um casal com o relacionamento em crise devido ao ciúme doentio e à pouca instrução dela.

Há ainda Dr. Vinícius (Adriano Reys), um médico sempre preocupado com o bem-estar de seus pacientes, só cobrando as consultas a quem pode pagar. Por isso é incompreendido pela mulher, Helena (Beatriz Lyra), que está invariavelmente reclamando do orçamento apertado. O casal tem três filhos: Mariana (Cláudia Ohana), moça simples, namorada de Tomás e filha de criação do casal; Isabel (Narjara Turetta), a moçoila invejosa que está sempre de olho no namorado da irmã; e Renato (Miguel Falabella), um rapaz de caráter duvidoso, acadêmico de Medicina que mora com a tia rica, Rute (que não aparece na novela, sendo apenas citada), em Belo Horizonte, indo passar em Monte Santo as férias.

O conflito maior que envolve esses personagens se dá quando Nonô Correia resolve cortejar a jovem Mariana, que se vê obrigada a aceitar a proposta de casamento, já que a mulher de Nonô falecera devido a um erro de Vinícius. É quando Tomás passa a disputar silenciosamente com o pai o amor de Mariana. O rude avarento torna-se mais doce e sensível ao passar a criar o órfão Zezinho (Oberdan Júnior), sobrinho de Tito e Santusa, um menino alegre, estudioso e encantador que amolece o coração do velho com o laço afetivo que nasce entre ambos.

Grande sucesso do horário das seis, Amor com Amor se Paga teve média geral de 45 pontos no Ibope. Foi tão popular que é lembrada até os dias de hoje. Ary Fontoura já afirmou, diversas vezes, que ainda é chamado de Nonô Correia pelos fãs nas ruas, o que mostra a longevidade do personagem.

Foi a segunda novela da grande autora de novelas Ivani Ribeiro na Globo, emissora na qual estreou em 1982, depois de fazer sucesso na Tupi, Excelsior, Band e Record. Sua primeira novela na Globo foi Final Feliz, a única com argumento original. A partir de Amor com Amor se Paga, a autora se dedicaria a reescrever várias de suas famosas tramas. Vieram, em seguida A Gata Comeu (remake de A Barba Azul), Hipertensão (remake de Nossa Filha Gabriela), O Sexo dos Anjos (remake de O Terceiro Pecado), Mulheres de Areia (remake da trama homônima de 1973) e A Viagem (remake da trama homônima de 1975). Ivani faleceu em 1995, e teve como seu último trabalho na emissora o argumento de Quem É Você?, trama de 1996 que foi desenvolvida por sua então colaboradora Solange Castro Neves, e escrita por Lauro César Muniz.

Leia também:

Viver a Vida estreava há oito anos

Relembre o último capítulo de Amor com Amor se Paga: