Famosos homenageiam Elke Maravilha nas redes sociais

Elke Maravilha
Elke Maravilha

A notícia da morte de Elke Maravilha deixou muita gente triste e chocada. A artista de 71 anos faleceu na madrugada desta terça (16), no Rio de Janeiro, por falência múltipla de órgãos.

Nas redes sociais, famosos lamentaram o acontecimento e prestaram homenagem à Elke, um ícone que trabalhou modelo, atriz, apresentadora e jurada de programas de calouros, como o do Chacrinha e de Silvio Santos.

Veja o que as celebridades escreveram:


Daniela Mercury, cantora: “Elke, sua arte e sua alegria nos inspiraram e continuarão por toda eternidade. A arte é eterna. Saudade!”.

Wanessa, cantora: “Existem pessoas que sentimos como eternas nesse mundo e com certeza em meu coração Ellke Maravilha será! O mundo fica menos colorido hoje! Essa vai fazer falta! Única! Simplesmente Elke”.

Sabrina Sato, apresentadora: “Sempre colorida e com esse sorriso enorme. Ela me inspira desde criança porque é ousada, irreverente ,corajosa e nunca quis ser igual a ninguém… Para sempre Elke Maravilha”.

Fafá de Belém, cantora: “Acabo de saber da passagem desta força da natureza. Luz. Liberdade. Amor. Cor. Cores. Não sei mais o que dizer”.

Rita Cadillac: “Muito triste. Elke vai alegrar agora o céu junto, como ela dizia, com o ‘painho’ (Chacrinha). Saudades, amada!”.

Preta Gil, cantora: “Nunca me esquecerei a primeira vez que vi essa luz em forma de gente! Tinha 8 anos e já era fã dela no Chacrinha, quando ela entrou a sala da nossa casa eu corri para o colo dela e de lá não queria mais sair. Uma voz doce e mansa, uma beleza de doer os olhos, uma mulher à frente de todos os tempos, uma revolução estetica e afetiva ambulante! Musa inspiradora de todas as pessoas que buscam o respeito e amor ao próximo! Elke Maravilha, o céu hoje ficou mais colorido mais feliz com a sua chegada”.

Valesca Popozuda, cantora: “E acordamos sem uma grande estrela! Vá em paz, Elke Maravilha! Vá brilhar por outros planos como sempre brilhou por aqui!”.

Astrid Fontenelle, apresentadora: “Como assim, criança??? Cresci apaixonada por Chacrinha e por Elke Maravilha. Assistir ao programa do Velhor Guerreiro era obrigatório e a chegada de sua jurada mais exuberante era a glória! Sem dúvida tá no meu insconsciente a permissão para ousar no figurino, nos adereços. Ainda quem que sai de casa usando um belo batom vermelho. Será minha homenagem a ela. Intelectual, artista, musa tão querida…. Elke era unanimidade. E chamava todo mundo de criança. Tô certa de que partiu numa boa. Mas a gente lamenta, queríamos mais!”.

Paulo Gustavo, ator: “O céu hoje está mais colorido”.

Marcelo Medici, ator: “Das poucas vezes que nos encontramos, repeti que adorava vê-la atuando porque sempre foi interessante observar esse caminho oposto de tirar maquiagem, peruca e figurino para interpretar personagens mais próximos a normalidade, característica que certamente a entediava. Violante em ‘Xica da Silva’, Madame Yara em ‘Memórias de um Gigolô’, Debora em ‘Pixote’, entre tantos outros. Atriz de bom gosto, despia-se lindamente. Foi uma bela passagem Elke! Maravilha”‘

Sônia Abrão, apresentadora: “Difícil de acreditar”‘

Tatá Werneck, atriz: “Linda! Muitas cores e alegria. Autêntica e performática”.

Adriane Galisteu, apresentadora: “Livre ninguém é. No entanto, cada um tem a liberdade de escolher a prisão que quer’. – Elke Maravilha. Seu sorriso vai fazer falta…”.

Juliano Cazarré, ator: “E ela se foi sem que tenhamos aprendido por completo sua mensagem de liberdade, alegria e amor. Obrigado, Elke, por ter feito esse país um pouco menos careta e muito mais colorido”.

Lúcia Veríssimo, atriz: “Impossível não lembrar da imagem dela assim. Explosão de alegria. Sentamos na mesma bancada de jurados no Chacrinha e nos tornamos amigas. De uma inteligência invejável e uma cultura admirável foi uma das pessoas que mais respeitei. Sincera, elegante, irreverente e deliciosamente anarquista. Essa russa, francesa e mais brasileira do mundo, destemida e verdadeira, foi um grande aprendizado pra mim. Obrigada Elke”.