“Estou com muito tesão” afirma Bruno Gagliasso sobre personagem em Sol Nascente

Bruno Gagliasso agora tem um novo investimento
Bruno Gagliasso (Divulgação)

Bruno Gagliasso é Mario, par romântico de Giovanna Atonelli (Alice), em Sol Nascente, nova novela das 18 horas, que estreia nesta segunda-feira (29), na Globo. O ator está animado com o papel de mocinho, diferente dos últimos personagens que fez na TV.

“Meu personagem é pura emoção, impulsivo, ele é à flor da pele. Me identifico muito com ele. Embora ele seja imaturo. Mas o amor pela melhor amiga dele faz ele mudar, ele é muito bacana. Precisava fazer um personagem assim. Venho de duas pedreiras: um serial Killer e um cafetão. Eu estava querendo um mocinho”, comemora Bruno Gagliasso.

O ator comenta ainda a história de seu personagem, que se apaixona pela melhor amiga, Bruno concorda que isso é possível e muito comum na vida real.  “Meu melhor amigo é o meu amor. Nisso que eu acredito. Se você me perguntar quem é a minha melhor amiga, vou te falar que é a Giovanna (esposa), minha mulher, minha cúmplice, parceira. É com quem eu divido tudo, com quem eu aprendo e que aprende comigo. Eu acredito nisso.”


Confira na íntegra a entrevista de Bruno Gagliasso:

Sol Nascente

“Novela que fala de amor, de família, de amizade. Numa época que o Brasil precisa disso. Está no momento maravilhoso. Não teria momento melhor para falar disso, de amor ao próximo, de generosidade, esperança. Estou com muito tesão de estar fazendo, equipe, elenco, história. Muita qualidade.”

Personagem

“Meu personagem é pura emoção, impulsivo, ele é à flor da pele. Me identifico muito com ele. Embora ele seja imaturo. Mas o amor pela melhor amiga dele faz ele mudar, ele é muito bacana. Precisava fazer um personagem assim. Venho de duas pedreiras: um serial Killer e um cafetão. Eu estava querendo um mocinho. E que não é nada convencional. Ele é bad boy, motociclista, ele erra, é humano. Em novela é muito difícil ver personagem humano. Perfeição não existe e mocinho tem de errar também. O que me fascina são bons personagens.”

Giovanna Antonelli

“A gente se adora, já tinha muita vontade dos dois de trabalhar com o outro. A gente está rindo horrores, se diverte. Nos paqueramos há tempo para trabalhar juntos.”

Novelas das seis

“Ficamos menos tempo no ar, o ritmo é menor, mas o comprometimento é o mesmo.”

Novela das seis não tem tanta emoção?

“Não concordo. Eu vejo muitas novelas das nove que não passam mensagem nenhuma. não quer dizer nada o horário. Essa novela só tem emoção. Acho que falta nela maldade. Mas emoção não vai faltar. É preconceito falar assim de novela das seis. Não precisa ter mais cena ou vilão para ter qualidade. Isso tem a ver com talento, tesão.”

Um personagem diferente de tudo que já fez

“Mocinho diferente de tudo que já fiz. Ele é bad boy. Eu tenho duas motos, sou motociclista. Minha família é italiana como ele, estou apaixonado, aprendendo muito. Não tem isso de ensinar cultura do Japão ou da Itália.”

Paixão entre amigos

“Meu melhor amigo é o meu amor. Nisso que eu acredito. Se você me perguntar quem é a minha melhor amiga, vou te falar que é a Giovanna (esposa), minha mulher, minha cúmplice, parceira. É com quem eu divido tudo, com quem eu aprendo e que aprende comigo. Eu acredito nisso. Comigo nunca aconteceu, mas acho que pode ter sim. Quando somos adolescentes confundimos amor e amizade.”

Pai de primeira viagem

“A gente está aqui pra falar da novela. Sem dúvida a minha prioridade é minha filha. Hoje é a prioridade. Eu não sei descrever. O que é ser pai. Só podemos dar nome depois de nos tornar. Imaginei, mas não é nem perto do que eu imaginei. Eu estou me descobrindo, a Gio também.”

Como está sendo a experiência?

“Falamos em português. Tomara que ela seja ligada em mim. Quero ser feliz e fazê-la feliz. Mas estão querendo saber muito. Quero ser pai biológico. Sem dúvida estou aprendendo muito mais com ela do que ela comigo. Sou um eterno aprendiz.”

Criticas em relação à adoção

“Tudo que eu tinha que falar eu disse no ar, no comercial. Ali é tudo que eu queria dizer. Amor não tem cep, endereço. Amor é simplesmente amor, eu optei por amar. Cabe a cada um escolher.”

Projetos após trama das seis

“Acabando a novela quero viajar muito, minha prioridade é a minha filha. Então não vou fazer a novela da Thelma Guedes e Duca Rachid, quero viajar e ficar em casa com elas.”

Giovannas em sua vida…

“Todas me dão trabalho, todas acham que mandam em mim. A minha é que manda mais (risos).”

André RomanoENTREVISTA REALIZADA PELO JORNALISTA ANDRÉ ROMANO