Copa do Mundo na Globo
Globo e Copa do Mundo (Divulgação)

França e Croácia decidem neste domingo quem vence a Copa do Mundo. Durante torneios esportivos como este, a grade de programação da TV sofre algumas mudanças para se adequar às necessidades das transmissões. Dessa maneira, vamos relembrar algumas mudanças na grade da Globo motivadas pelo torneio em outras ocasiões, de 1990 a 2010. A escolha da emissora se deve ao fato de ser a única que transmitiu todas as edições da Copa do Mundo do período recortado. Por vezes, foi a única de fato, na TV aberta brasileira.

Logotipo das transmissões da Copa de 1990 pela Globo (Reprodução)
Logotipo das transmissões da Copa de 1990 pela Globo (Reprodução)

Copa do Mundo de 1990 – de 8 de junho a 8 de julho

Havia o Bom Dia Itália, transmitido dos estúdios da Tele Monte Carlo. Durante alguns anos, entre as décadas de 1980 e 1990, os Marinho foram donos da emissora em sociedade com a italiana RAI. Era apresentado por Léo Batista de segunda a sexta às 8h e aos domingos às 11h. Com a finalidade de antecipar a grade antes dos jogos, o Xou da Xuxa terminava às 11h. Para que entregasse para o Jornal Hoje e este para o primeiro jogo do dia.

Jogos ao meio-dia e às 16h ensanduichavam o Vale a Pena Ver de Novo. A atração era Roda de Fogo. Pena que a novela de Lauro César Muniz tenha sido desperdiçada, picotada para exibição apenas durante o torneio, praticamente. Só para ilustrar, ela teve na ocasião 34 capítulos apenas, entre 21 de maio e 6 de julho.

Sandra Annenberg se despede da Copa do Mundo e emociona Alex Escobar

Copa do Mundo de 1994 – de 17 de junho a 17 de julho

Propaganda da cobertura da Copa de 1994 pela Globo em página dupla dos jornais (Reprodução)
Propaganda da cobertura da Copa de 1994 pela Globo em página dupla dos jornais (Reprodução)

Os jogos levaram a reprise de Rainha da Sucata a capítulos maiores do que o usual. O Vídeo Show passou de semanal a diário em abril e mudou a reprise vespertina das 13h30 para as 14h10min. Em dias de jogos, a novela de Silvio de Abreu chegou a ser exibida bem mais tarde: entre 15h30 ou 16h até as 17h, por exemplo. Com isso, as atrações mais prejudicadas pela Copa do Mundo foram em geral Vídeo Show e Sessão da Tarde. E os humorísticos Os Trapalhões e Escolinha do Professor Raimundo. Enquanto os enlatados do final de semana, como Sessão de Sábado e Os Simpsons, foram sacrificados por um mês.

Já as novelas globais inéditas sofriam atrasos que passavam de uma hora. Ou mesmo de duas, como Fera Ferida, novela das 20h, que teve capítulos iniciados às 22h30. Tropicaliente, a atração das 18h, chegou a não ser exibida em algumas ocasiões. Aliás, também flutuou na grade entre 17h50min e 19h. A novela das 19h, A Viagem, chegou a entrar no ar tanto às 18h30 quanto após as 20h, terminando às 21h.

Logotipo das transmissões da Copa de 1998 pela Globo (Reprodução)
Logotipo das transmissões da Copa de 1998 pela Globo (Reprodução)

Copa do Mundo de 1998 – de 10 de junho a 12 de julho

A Copa do Mundo da França teve jogos na hora do almoço e às 16h. Globo Esporte, Vídeo Show, Sessão da Tarde e Malhação foram prejudicados. O Jornal Hoje e a reprise de O Salvador da Pátria entravam entre um jogo e outro. Alguns jogos eram às 9h30, e tomaram tempo do programa infantil Angel Mix. Esquetes de Os Trapalhões eram reprisados às 11h30 e também ficaram fora do ar.

Logotipo das transmissões da Copa de 2002 pela Globo (Reprodução)
Logotipo das transmissões da Copa de 2002 pela Globo (Reprodução)

Copa do Mundo de 2002 – de 31 de maio a 30 de junho

Os jogos dessa Copa do Mundo ocorreram no Japão e na Coreia do Sul. Como resultado, pelo fuso, não prejudicaram muito a rotina da TV. Na primeira fase, com três partidas ao dia, em nosso fuso a exibição ficou para 3h30, 6h e 8h30. Nos países-sede, eram 15h30, 18h e 20h30. Entre as entrevistas de Jô Soares e o primeiro jogo, a Globo exibiu a reprise da minissérie Dona Flor e Seus Dois Maridos, de Dias Gomes com base em Jorge Amado. Seja como for, desagradou a notívagos e/ou cinéfilos, que ficaram sem o Corujão.

Apenas o boletim Resumo da Copa, com Glenda Kozlowski, em duas edições diárias de meia hora quebrava a harmonia da grade normal da emissora. O boletim era exibido pouco antes do meio-dia e no final da tarde.

Logotipo das transmissões da Copa de 2006 pela Globo (Reprodução)
Logotipo das transmissões da Copa de 2006 pela Globo (Reprodução)

Copa do Mundo de 2006 – de 9 de junho a 9 de julho

A sede era a Alemanha. A Copa do Mundo tinha jogos às 10h, às 13h e às 16h. Assim sendo, o jogo da manhã pegava o horário do infantil TV Xuxa. O primeiro jogo da tarde antecipava o Jornal Hoje para 12h20min e cancelava Globo Esporte e Vídeo Show. O terceiro jogo entrava no lugar da Sessão da Tarde.

Logotipo das transmissões da Copa de 2010 pela Globo (Reprodução)
Logotipo das transmissões da Copa de 2010 pela Globo (Reprodução)

Sem Brasil na Copa do Mundo, profissionais das emissoras brasileiras deixam a Rússia

Copa do Mundo de 2010 – de 11 de junho a 11 de julho

O país que recebeu as partidas foi a África do Sul. Basicamente parte da programação infantil e os jornais locais foram prejudicados pelos jogos. Aliás, os filmes da Sessão da Tarde também ficaram fora do ar por alguns dias. Visto que seu horário batia com o de alguns jogos. O remake de Sinhá-Moça, na ocasião no Vale a Pena Ver de Novo, também perdeu alguns minutos de arte nesses dias.

Últimos vídeos do Canal no YouTube