Manuela Dias, autora de Amor de Mãe

Crítico e pesquisador do Observatório da Televisão, Fábio Costa recebeu o também crítico e pesquisador Nilson Xavier, criador do site Teledramaturgia e colunista do Huffpost, para uma conversa sobre a renovação dos autores de novelas. Especialmente na gestão de Silvio de Abreu à frente da Teledramaturgia Diária da Globo, nos últimos cinco anos, diversos autores foram alçados à condição de titulares nos respectivos trabalhos. Um dos casos recentes é o de Manuela Dias, autora do novo cartaz das 21h, Amor de Mãe.

Na contramão dos lançamentos e apostas da emissora, autores veteranos têm parado de escrever ou, pelo menos, diminuído a marcha. Com efeito, isso é bastante natural dada a idade avançada de quase todos. Só para exemplificar, Benedito Ruy Barbosa e Manoel Carlos já passaram dos 80 anos. Gilberto Braga e Aguinaldo Silva estão quase na mesma altura etária. Também há os casos dos novelistas que não estão mais contratados, quer pela Globo, quer por outra emissora. Lauro César Muniz, Carlos Lombardi, Marcílio Moraes e Antonio Calmon são alguns exemplos.

Silvio de Abreu e sua gestão tão elogiada quanto pichada

Silvio de Abreu (Foto: Jonne Roriz/VEJA)
S¿o Paulo – 04/07/2017- Retrato do roteirista e autor de novelas Silvio de Abreu para a Revista Veja. Foto Jonne Roriz

Na opinião de Nilson Xavier, o trabalho de Silvio de Abreu tem prós e contras. “Ele [Silvio] teve, talvez, o azar de pegar essa fase em que as pessoas se veem no direito de criticar qualquer coisa porque estão nas redes sociais, estão atrás de um perfil fake, enfim.” O crítico acredita ainda que outra pessoa na mesma posição que o autor de sucessos como Guerra dos Sexos (1983), Cambalacho (1986) e Belíssima (2005) ocupa hoje padeceria do mesmo quadro de críticas e palpites. Com toda a certeza, o fato de Silvio possuir essa experiência prévia como autor colabora para fomentar birras e picuinhas com seu trabalho de executivo.

Ademais, um ponto a destacar é que para Nilson é melhor uma novela que seja ruim, porém curta, do que uma longa demais, ainda que boa. Por óbvio que o pesquisador não defende que as novelas devam ser ruins por nenhum motivo. Todavia, a diminuição do tempo de arte de cada capítulo e da duração do tempo que as novelas passam em cartaz, implementada por Silvio em sua gestão na Globo, foi um acerto.

A renovação dos autores de novelas e a aceitação de que os veteranos estão parando

Walther Negrão anunciou sua aposentadoria. Benedito Ruy Barbosa também. Manoel Carlos oficialmente ainda não, mas a avançada idade atrapalha o desenvolvimento do mesmo trabalho de antes, no mesmo ritmo e por tanto tempo seguido. Nilson Xavier e Fábio Costa também falam dessa questão delicada que é o envelhecimento dos novelistas. Ademais, a aceitação dessa circunstância natural pelo público, que nem sempre ocorre em boa medida.

Últimos vídeos do Canal no YouTube