Gugu Libeato
Gugu Libeato (Foto: Reprodução/ Record TV)

A edição 2019 do reality Power Couple Brasil, da Record TV, foi uma grande decepção. Nem mesmo a vitória de Nicole Bahls e Marcelo Bimbi serviu para imprimir alguma surpresa para a atração, que se arrastou semanas a fio para chegar nesta final sem grandes emoções. Uma pena, se levarmos em consideração que o elenco era bastante promissor.

Dois personagens despontaram logo de cara: a vencedora Nicole Bahls e Eliéser Ambrósio. A ex-Panicat trouxe na bagagem uma ampla experiência em realities, além de uma relação bem divertida com o marido Marcelo Bimbi. Assim, a modelo rendeu momentos inusitados, como a prova do choque, na qual discutia com o marido que não entendia as perguntas. Não por acaso, a sequência viralizou na internet.

No entanto, Nicole foi se apagando no decorrer da temporada. Aos poucos, a jovem foi se isolando, além de apostar em estratégias um tanto equivocadas. Suas atitudes pareciam pouco espontâneas e bem ensaiadas. Deu a impressão de que Nicole tentou emplacar uma personagem “avoada”. Mas ficou meio forçado. Porém, sem dúvidas, foi ela a participante que mais se destacou, para o bem ou para o mal. Sendo assim, foi uma vitória merecida.

Outros momentos

Enquanto isso, Eliéser Ambrósio parecia que renderia bons momentos, graças ao seu temperamento explosivo. Logo de cara, o ex-BBB caiu numa pegadinha de Lucas Salles e Debby Lagranha. Assim, quando ele descobriu a verdade, tratou de fazer uma cena bem constrangedora.

Mais tarde, Eliéser e sua esposa Kamilla Salgado foram eliminados da atração. Mas conseguiram retornar na repescagem, com a promessa de que não mais se envolveriam em confusão. No entanto, a promessa durou poucas horas, e logo o casal voltou aos conflitos. Resultado: acabaram eliminados novamente poucos dias depois.

Deste modo, sem Eliéser e com Nicole apagada, Power Couple se tornou uma espécie de “colônia de férias” entre casais. Figuras carismáticas e divertidas ficaram, sem dúvidas, mas o programa não teve conflitos. Só não caiu no marasmo porque as provas do programa garantiam a emoção. Ou seja, Power Couple foi um bom game show, mas não um bom reality de confinamento.

*As informações e opiniões expressas nessa crítica são de total responsabilidade de seu autor e podem ou não refletir a opinião deste veículo.

Últimos vídeos do Canal no YouTube