Marcão do Povo apresentando o jornal Primeiro Impacto
Marcão do Povo apresentando o jornal Primeiro Impacto (Foto: Reprodução/ SBT)

Na manhã desta segunda-feira (17), o Primeiro Impacto, jornal matinal do SBT, ganhou mais duas horas de duração. Com o fim do SBT Notícias, o noticioso passa a ir ao ar agora das 4h às 10h30. Assim, soma inacreditáveis seis horas e meia de duração, se tornando o mais longo noticiário da TV aberta. Com isso, a atração ficou ainda mais cansativa do que já era.

Até a semana passada, Primeiro Impacto era exibido das 6h às 10h30. Ou seja, já era longo demais. A atração não tem uma estrutura muito grande, e sempre sobreviveu de material reciclado dos outros jornais da emissora. Para preencher tanto tempo, também recorre a reprises de matérias e muita conversa de seus apresentadores, Dudu Camargo e Marcão do Povo.

Agora, Dudu e Marcão têm ainda mais tempo para preencher. Cada apresentador ocupa pouco mais de três horas no ar. É até justo reconhecer que os dois possuem jogo de cintura, afinal, não é nada fácil segurar um programa de conteúdo limitado por tanto tempo. Além disso, há que se considerar que o público do Primeiro Impacto é variável, já que ninguém deve assisti-lo do começo ao fim. Mesmo assim, este tempo de sobra para comentar as notícias da manhã faz com que o noticioso perca ritmo. Isso sem falar que assuntos policiais são os preferidos do jornal. Deste modo, o dia já começa “nervoso”.

Fim do SBT Notícias

Primeiro Impacto cobre a ausência do SBT Notícias, que, durante três anos, ocupou as madrugadas do SBT de domingo a domingo. É uma pena que um projeto tão audacioso da emissora tenha chegado ao fim. A ideia de oferecer um jornal longo, que se renova a cada “módulo”, num horário onde as opções são parcas, sempre foi muito boa. O SBT, cujo jornalismo sempre foi inconstante, praticamente se transformava num canal de notícias na madrugada. E, diga-se, conseguiu vários furos neste período. Ou seja, o fim do jornal é uma perda para o jornalismo do canal.

Além disso, sua extinção significou a dispensa de Karyn Bravo e Analice Nicolau, dois nomes que contribuíram bastante nos mais diversos projetos jornalísticos da emissora. E, como já dito, também teve consequência o aumento indiscriminado do Primeiro Impacto.

Não há dúvidas de que o Primeiro Impacto é um projeto bem-sucedido do SBT. O matinal registra boa audiência e disputa em pé de igualdade a preferência do público com os demais canais. Mas é uma pena que o jornalismo do SBT, aos poucos, vá se resumindo a apenas este formato. Merecia mais.

*As informações e opiniões expressas nessa crítica são de total responsabilidade de seu autor e podem ou não refletir a opinião deste veículo.

Últimos vídeos do Canal no YouTube